Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Você tem medo de dizer não?

Você tem medo de dizer não?

A coach Priscila Moanzato ensina algumas dicas aos servidores públicos de como desenvolver a habilidade de dizer não quando for necessário

Priscila Monzato

 

* Priscila Monzato

Caro leitor, você se lembra daquele dia que o seu colega abusado, que chega atrasado com frequência, deixou um trabalho por fazer e ainda te pediu para fazer por ele? 

Como melhorar sua satisfação na vida profissional?

Servidor, como anda sua satisfação profissional?

Ou no fim do dia em que seu chefe te chamou quando você estava prestes a sair te pedindo para fazer um trabalho que não era urgente? Ou talvez você estivesse no cargo de chefia e uma pessoa da sua equipe tenha lhe feito um pedido inusitado e você se sentiu desconfortável, mas não soube negar. 

No serviço público, é muito comum você, de repente, assumir um cargo de gestão e de uma hora para outra você virar parte integrante da equipe. E isso é um dos motivos que faz algumas pessoas evitarem a qualquer custo o “não”. 

Sentem medo de perseguição política, buscam incessantemente agradar ao outro ou fogem de conflitos por não saberem como lidar. Pois então, se já passou por essas situações ou algo parecido e teve medo de dizer não, sabe exatamente do que estou falando. 
 


Essa postura é muito comum, pois o ser humano não gosta de se sentir rejeitado e o “não” traz um viés de falta de aceitação, só que na verdade, muitas vezes esse “não” pode significar um “sim”. 

Vejamos alguns casos: Se você está atolado de tarefas e um colega pede sua ajuda, pode ser que isso te sensibilize e você queira ajudá-lo, mas o “não” pode ser uma forma de você priorizar seu tempo e suas tarefas e isso significa o “sim” para você mesmo, que vai conseguir sair na hora porque fez suas atividades do dia e também para seu gestor, já que cumpriu com o prazo de entrega. 

Percebe que tudo depende do ponto de vista e o significado que você cria para cada situação? E não estou dizendo aqui que você não deve ajudar ninguém, mas que precisa pensar antes de dizer sim para qualquer pessoa ou situação.

Talvez você ainda não tenha pensado sobre as consequências que isso pode gerar, mas saiba que sua gestão do tempo pode estar sendo impactada, você pode não estar dando limites para o outro e ele vai acabar abusando da sua boa vontade, pode não estar respeitando sua própria vontade e acabar com sua energia emocional porque assumiu algo que não deveria e também pode estar prejudicando o outro, pois tira a possibilidade de torná-lo mais independente.

Agora que você já se convenceu que falar “não” pode gerar muitos benefícios, veja algumas dicas de como desenvolver essa habilidade tão importante:

1 - Analise se a situação está sendo boa para você também;

2 - Sugira alternativas;

3 – Se não conseguir dizer “não” imediatamente, peça um tempo para pensar;

4 – Tenha consciência que você não pode agradar a todos;

5 – Se dizer não de forma objetiva te causa desconforto, aprenda outras maneiras de negar.

Espero que você diga mais não para o outro e mais sim para você mesmo!

Abraços.

* Priscila Monzato é pedagoga com especialização em Educação Corporativa e MBA em Gestão de Projetos, coach de Carreira e de Líderes, practitioner em Programação Neurolinguística e professora universitária. Atua também em projeto social de coaching vocacional e tem vasta experiência em Liderança e Qualificação de Servidores Públicos. Atualmente, está como diretora de Formação e Qualificação no Detran-RJ

 

 







Cadastre-se e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida

Comentários