Questão de bom senso, Paulo Guedes