Concurso UFRJ: prorrogada validade de cargos para área de apoio

A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) prorrogou até 2020 a validade de mais cinco cargos de concurso realizado em 2017.

A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) prorrogou a validade do seu concurso para a área de apoio. A seleção foi aberta em 2017 e ofertou 167 em diversas áreas, contemplando todos os níveis de escolaridade. O documento foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira, 9.

Confira o documento 

Dessa forma, ficam prorrogadas até 13 de agosto de 2020 as validades das opções de vaga para as seguintes carreiras:

  • Coreógrafo;
  • Técnico de laboratório - Biotério;
  • Tradutor intérprete de Libras; e
  • Técnico em laboratório - Fotografia.

Os resultados finais dos respectivos cargos foram homologados por meio do edital nº 710, publicado no DOU de 13 de agosto de 2018.

Também foi prorrogada até 3 de dezembro de 2020 a validade da opção de vaga C-307, referente ao cargo de tradutor e intérprete de Linguagem de Sinais. O resultado final foi homologado por meio do edital nº 970, publicado no DOU de 3 de novembro de 2018.

Com validade prorrogada, UFRJ pode realizar mais convocações
(Foto: Divulgação)

Em fevereiro deste ano, outros cargos também tiveram suas validades prolongadas:

► Validade prorrogada até 02 de março de 2020

Cargos: assistente em administração — Complexo Hospitalar; assistente em administração - Geral; técnico de laboratório - Acessibilidade; técnico de laboratório - Atenção Psicossocial; técnico de laboratório - Edificações - Mobilidade; técnico de tecnologia da informação - Tecnologia Assistiva; e 
técnico em contabilidade - geral.

► Validade prorrogada até 16 de março de 2020

Cargos: assistente de alunos - Geral; auxiliar em administração - Biblioteca; e auxiliar em administração - Atividades Culturais de Divulgação Científica e Publicações.

Quanto à validade dos demais cargos do concurso, a Pró-Reitoria de Pessoal (PR4/UFRJ) informou que também há grande probabilidade de sua prorrogação.

UFRJ promete chamar mais excedentes 

Apesar do concurso UFRJ ter ofertado 167 vagas, a promessa é de que haja convocações também no cadastro de reserva. Em 2017, a garantia do pró-reitor de pessoal da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Agnaldo Fernandes, era de que os excedentes seriam chamados durante a validade do concurso.

"Há um esforço da universidade de aproveitar o máximo possível o cadastro de reserva. Por isso homologamos todos os aprovados. É justamente para irmos chamando aprovados ao longo da validade da seleção, quando tivermos necessidades. Não vamos nos restringir apenas à quantidade de cargos em edital. Certamente vamos chamar muito mais gente", confirmou em entrevista à FOLHA DIRIGIDA.

A previsão, segundo Fernandes, teve por base o número de aposentadorias rotineiras na instituição.

"Por conta do anúncio da Reforma da Previdência e o medo das pessoas de perderem seus direitos, muitas aposentadorias foram aceleradas. Até o início de agosto, tivemos cerca de 250 técnicos administrativos aposentados, número que vai continuar crescendo", assinalou.

+ Concurso UFRJ: pró-reitor garante chamada de excedentes. Veja entrevista!   

Concurso UFRJ reuniu mais de 75 mil inscritos

O concurso para área de apoio da UFRJ teve edital divulgado em 2017. Ao todo, foram contabilizadas 75 mil inscrições para oferta de 167 vagas. As oportunidades eram para cargos de todos os níveis. As remunerações poderiam chegar a R$4.638.

Além do vencimento inicial, os servidores têm direito a um auxílio-alimentação de R$458, transporte e auxílio pré-escola de R$321, no caso de dependentes de até 5 anos. Há também possibilidade de promoção a cada 18 meses. Para isso é feita uma avaliação e aí são calculados reajustes salariais.

Os aprovados na seleção poderão ser lotados nos campi da capital, Duque de Caxias, Baixada Fluminense e Macaé. Também há chances para as unidades hospitalares.

São elas: Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF), Hospital Escola São Francisco de Assis (HESFA), Maternidade Escola e nos institutos de Ginecologia, Neurologia, Psiquiatria, de Doenças do Tórax, do Coração Edson Saad e de Puericultura e Pediatria (IPPMG).

Os candidatos do concurso para técnico-administrativos da UFRJ foram avaliados por meio de provas objetivas, com 35, 50 ou 60 questões, dependendo do cargo pretendido pelo candidato. Para algumas funções foi aplicada ainda uma avaliação de títulos.





Comentários