Folha Dirigida Entrar Assine

Concurso UFF: veja como foi o dia de provas para o nível médio

Candidatos do concurso para cargos de nível médio/técnico da UFF conversou com FOLHA DIRIGIDA sobre o que acharam da prova objetiva. Veja!

Neste dia 24 de março os candidatos aos cargos de nível médio/técnico do concurso para técnico-administrativos da Universidade Federal Fluminense (UFF) fizeram as provas objetivas, pela manhã. FOLHA DIRIGIDA acompanhou o dia de provas na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e conversou com alguns candidatos sobre o exame.

No geral, os concorrentes avaliaram as provas de maneira positiva. Muitos disseram que o exame estava fácil e as questões de acordo com os conteúdos listados no conteúdo programático do concurso. Mas, o candidato Marcos Lanes, que concorre a uma vaga de assistente administrativo, disse que foram exigidas muitas questões sobre o regimento interno da UFF, o que poderia complicar para alguns.

“A prova estava bem tranquila. Caiu muita coisa em relação ao próprio regimento interno da UFF, então acho que isso foi o mais complicado porque é um regimento bem complicado. Na prova de Administração Pública as questões estavam bem abstratas”, disse.

Lanes também elogiou os fiscais que trabalharam na aplicação das provas na Uerj. “Os fiscais são muito bem instruídos e simpáticos. Passaram as instruções bem e seguiram os procedimentos corretamente.”

Marcos Lanes disse, ainda, que um dos atrativos desse concurso para ele é a oportunidade de crescimento na carreira. “Sou advogado, mas esse cargo como era uma área interessante e como há possibilidade de crescimento dentro da UFF, que é uma instituição conceituada, eu desci fazer o concurso.” 

FOLHA DIRIGIDA acompanhou dia de provas na Uerj
(Foto: Letícia Santos)

Prova de Conhecimentos Específicos apresentou maior grau de dificuldade

Roberto Vasconcelos, candidato ao cargo de técnico em Contabilidade, disse que as questões de Conhecimentos Específicos apresentaram um grau de dificuldade maior em relação às outras.

Fábio Diniz, cujo interesse é uma vaga para técnico-administrativo, também relatou uma dificuldade maior na disciplina específica.

“A prova de conhecimentos específicos foi a mais difícil. Cobraram temas bem diversificados e abrangeram toda a matéria de Administração”, comentou Diniz.

Quanto à redação, os candidatos disseram que o tema cobrado foi mais fácil que o esperado. Os concorrentes tiveram que elaborar um texto dissertativo sobre “Negligencias no trânsito brasileiro e as consequências”.

Dentro da temática foram abordados tópicos referentes ao uso do celular durante a direção e sobre dirigir alcoolizado.

“Achei o tema da redação oportuno para o atual momento, que fala sobre o trânsito, sobre álcool e direção, sobre a lei seca que está mais punitiva”, avaliou Karine Duarte, que tenta uma vaga para assistente administrativo.

Número de faltosos surpreendeu candidatos

O número de candidatos que não compareceram à realização do exame ainda não foi divulgado oficialmente pela Coseac, organizadora, mas alguns concorrentes disseram que em suas salas um número representivo de pessoas faltaram. Laísa Cavalcanti, uma das primeiras a deixa o local de prova, afirmou que sua sala estava bem vazia. 

"O que me assustou foi a quantidade de candidatos faltosos, na minha sala praticamente mais da metade faltaram", ressaltou Fábio Diniz, concorrente ao cargo de técnico administrativo.

Diniz, assim como alguns outros candidatos, está se preparando para outros concursos além da seleção para técnico-administrativos da UFF.  "Sou temporário no IBGE e estou estudando para tentar uma vaga de efetivo."

Meise da Silva, também matém a preparação para outras seleções. A gente sempre está se preparando para mais de um concurso. Eu estou estudando para o Detran e para o concurso da Guarda Municipal de Niterói."

Gabaritos preliminares serão divulgados ainda neste dia 24

Logo mais, às 16h,  serão divulgados os gabaritos preliminares das provas. Os candidatos poderão consultar os resultados no site da Coseac, organizadora. A avaliação foi composta por 65 questões, distribuídas pelas disciplinas de: Língua Portuguesa (15), Noções de Administração Pública (15) e Conhecimentos Específicos (35).

Para ser aprovado os candidatos devem alcançar uma pontuação mínima de 56 pontos na prova objetiva. A pontuação obedecerá ao seguinte critério: oito pontos em Língua Portuguesa, oito em Noções Básicas de Administração Pública e 40 em Conhecimentos Específicos. O concorrente também não poderá zerar a prova de Redação.

concurso para técnico-administrativos da UFF  tem uma oferta de 190 vagas, dividas por cargos de níveis médio/técnico e superior. Um total de 22.680 pessoas se candidataram ao concurso.

Lembrando que  os inscritos para os cargos de nível superior farão as provas no próximo domingo, dia 31, também no turno da manhã. Serão seguidos os mesmos critérios de avaliação.

Como não desistir de estudar para concurso público?  



Comentários