Reitor da Uerj confirma concurso para técnico-administrativo

O reitor da Uerj, Ruy Garcia, confirmou concurso para a carreira técnico administrativo, que contempla cargos de níveis médio e superior.

Matéria atualizada em 13 de setembro de 2018, às 9h33

O reitor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Ruy Garcia, confirmou a realização de um novo concurso para cargos da carreira de técnico-administrativo, que contempla cargos de níveis médio e superior. A informação foi concedida em entrevista exclusiva à FOLHA DIRIGIDA no dia 10 de setembro.

A previsão é de que o edital seja publicado até o início do próximo ano (Foto: Divulgação)

 

Ainda não há informações sobre quantidade de vagas e prazo de insrições. Porém, a superintendente de Recursos Humanos da Uerj, Márcia de Almeida Caoduro,  adiantou que já está sendo feito um estudo interno para reposição dos servidores. O edital deve ser publicado no fim deste ano ou no início de 2019.

"Estamos começando a estruturar o edital e a fazer um planejamento de publicação. Ainda não temos previsão de abertura, mas o concurso será realizado", disse Márcia.

Segundo informações concedidas pela Superintendência de Recursos Humanos da Uerj, o salário atual de técnicos administrativos é de R$2.600, com possibilidade de promoção. Os servidores tem direito, ainda, a um auxílio alimentação de R$400.

Concurso estava previsto para 2016

Assim como o concurso para técnico em enfermagem, a seleção para a carreira de técnico-administrativo estava prevista para 2016, conforme acordado no Termo de Ajustamento de Conduta, de 2015. Na ocasião, foi anexado ao TAC um quadro de distribuição de vagas com oferta de 219 vagas divididas entre 22 cargos.  As vagas estavam destinadas à substituição de contratos temporários. Embora os cargos oferecidos ainda não tenham sido confirmados, a expectativa é que sejam abertas vagas para os mesmos cargos.

Confira a distribuição de vagas previstas no TAC 2015:

Cargo Vagas
Arte educador 1
Assistente administrativo 20
assistente em artes  20
Biólogo 20
Cenógrafo  1
Comunicador social (Jornalismo e Relações Públicas) 15
Contador  1
Engenheiro de segurança do trabalho  2
Gestor de políticas científicas e pesquisa  14
Iluminador 1
Médico psiquiatra 1
Monitor de oficinas 1
Operador de câmara escura  4
Orientador de oficinas  6
Produtor cultural 3
Psicólogo  28
Recreador  2
Técnico de áudio e vídeo 21
Técnico de laboratório  24
Técnico em Farmácia 8
Técnico em Mecânica 6
Técnico em Química  20

 

O TAC, firmado entre o Ministério Público do Estado e a Uerj, foi assinado em setembro de 2015. O reitor Ruy Garcia explicou que o agravamento da crise econômica do Estado impossibilitou a abertura de novos concursos na época.

"A minha gestão começou em janeiro de 2016 e eu confirmei a abertura dos concursos, mas eu não sabia o que estava por vir e o que veio foi muito pesado. Nós tivemos total impossibilidade de realizar concursos nos anos 2016 e 2017. Eles Não deixaram de ser feitos porque não se precisava mais, mas porque não havia mínimas condições para tal", disse o reitor.