Concurso TRT-SP conta com 161 mil candidatos a técnicos e analistas

O Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo divulgou o número final de inscritos no concurso para técnicos e analistas: 161.453.

Agora é oficial! O concurso TRT-SP registra 161.453 candidatos para técnicos e analistas judiciários. O quantitativo foi publicado pelo Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo na sexta-feira, 29 de junho. O órgão já tinha divulgado o número preliminar de inscritos, no dia 11 do mesmo mês, através de sua página no Facebook.

A confirmação de todos os candidatos veio após o pagamento da taxa de inscrição. A concorrência este ano é 37% maior do que o último concurso TRT-SP, realizado em 2013. Na época, foram registradas 117,6 mil inscrições.

Como já é tradição, o destaque da seleção deste ano é o técnico administrativo, que exige nível médio completo para candidatura. Somente para esse cargo foram computados 85.131 concorrentes para as 144 vagas oferecidas. Dessa forma, 591 pessoas disputam uma oportunidade para ingresso no tribunal.

A segunda função mais concorrida é analista da área judiciária, com 30.348 inscritos para apenas 27 vagas. O que significa que 1.124 concorrem a uma vaga. Para se candidatar a esse cargo era preciso ter nível superior em Direito. Confira abaixo o quantitativo de inscrições por cargo oferecido no concurso TRT-SP:

Cargo Nº oficial de inscritos
Técnico judiciário - Nível médio
Técnico Judiciário - Área Administrativa 85.131
Técnico Judiciário - Telefonia 689
Técnico Judiciário - Segurança 4.918
Técnico Judiciário - Enfermagem 773
Técnico Judiciário - Tecnologia da Informação 650
Analista judiciário - Nível superior
Analista Judiciário - Área Judiciária 30.348
Analista Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador Federal 5.721
Analista Judiciário - Área Administrativa 24.428
Analista Judiciário - Contabilidade 686
Analista Judiciário - Arquivologia 123
Analista Judiciário - Biblioteconomia 341
Analista Judiciário - Enfermagem 1.347
Analista Judiciário - Engenharia 944
Analista Judiciário - Especialidade Engenharia (Segurança do Trabalho) 602
Analista Judiciário - Estatística 71
Analista Judiciário - Medicina 210
Analista Judiciário - Medicina (Cardiologia) 83
Analista Judiciário - Medicina (Clínico Geral) 161
Analista Judiciário - Medicina do Trabalho 83
Analista Judiciário - Medicina Psiquiatra 93
Analista Judiciário - Nutrição 598
Analista Judiciário - Psicologia 880
Analista Judiciário - Serviço Social 760
Analista Judiciário - Tecnologia da Informação 1.048
Analista Judiciário - História 765
Total de inscritos 161.453

 

O tribunal oferece 320 vagas para técnico e analistas judiciários. As inscrições já foram encerradas, após prorrogação. Para se candidatar era preciso ter nível médio e superior, a depender do cargo. Os vencimentos chegam a R$7.838,18 e R$12.742,14, respectivamente. Os aprovados ainda terão direito a benefícios como auxílio-alimentação de R$884, auxílio-transporte e plano de saúde. O órgão também investe na capacitação dos servidores, de forma gratuita.

Número de inscritos aumenta 37% em relação ao concurso TRT-SP 2013

Enquanto o último concurso TRT-SP, realizado em 2013, teve a procura de 117,6 mil pessoas, o concurso TRT-SP deste ano registrou mais de 160 mil inscritos. Ou seja, a procura por cargos públicos em tribunais teve aumento de 37%.

O cargo de técnico administrativo, que conta com 85 mil candidatos em 2018, apresentou 63 mil há cinco anos, o que representa um aumento de 35%. Já para analista da área administrativa a procura dobrou. Em 2013, foram registradas 12 mil candidaturas. Agora, são mais de 24 mil.

Milhares de candidatos serão convocados para provas do concurso
TRT-SP em julho (Foto: Orcenil Júnior/Governo Maranhão)

 

A boa notícia é que o Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo costuma chamar um número de aprovados maior do que as vagas estipuladas pelo edital. No último concurso TRT-SP, por exemplo, foram oferecidas 190 vagas imediatas para técnico administrativo, enquanto foram nomeados 1.026 até o momento - lembrando que nem todos os candidatos nomeados tomaram posse.

O cargo ainda é o que demanda maior reposição de pessoal. A informação foi passada pelo diretor da Secretaria de Gestão de Pessoas do TRT-SP, Eduardo Antonio Engholm Cardoso, em entrevista exclusiva à FOLHA DIRIGIDA.

. Como estudar para técnico administrativo do concurso TRT-SP?

Em seguida estão as funções de oficial de justiça avaliador federal, analista da área judiciária, técnico na especialidade Segurança e analista administrativo. De acordo com dados de maio, o tribunal apresenta 278 cargos vagos. Faltam 171 técnicos e 107 analistas judiciários.

Provas do concurso TRT-SP serão aplicadas no dia 22 de julho

Os 160 mil candidatos ao concurso TRT-SP serão convocados para as provas objetivas e discursivas, a serem realizadas no dia 22 de julho. Na objetiva, serão cobradas 60 questões para técnicos, sendo 20 de Conhecimentos Básicos e 40 de Conhecimentos Específicos. Para analista serão 70 questões, das quais 30 de Conhecimentos Básicos e 40 de Específicos. A prova discursiva será composta por uma redação.

Confira abaixo a estrutura do exame para técnico administrativo:

Conhecimentos Básicos – 20 questões

  • Língua Portuguesa;
  • Matemática e Raciocínio Lógico;
  • Noções de Informática;
  • Noções sobre Direito das Pessoas com Deficiência;
  • Legislação e Ética no Serviço Público.

Conhecimentos Específicos – 40 questões

  • Noções de Direito Constitucional;
  • Noções de Direito Administrativo;
  • Noções de Direito do Trabalho;
  • Noções de Direito Processual do Trabalho;
  • Noções de Gestão Pública.

Reta final de preparação para as provas do concurso TRT-SP

A poucos dias das provas do concurso TRT-SP, os candidatos devem intensificar os estudos. FOLHA DIRIGIDA tem playlists de vídeos com dicas especiais para essa seleção, além de outros materiais de preparação. Um deles é o e-book "Como estudar Português para concursos". Confira!

No vídeo abaixo, descubra tudo sobre o edital do concurso TRT-SP: 

CADASTRE-SE

Para ter acesso a este conteúdo

CADASTRE-SE


Comentários