TRE PA libera locais de prova do concurso para técnicos e analistas

Os candidatos do concurso TRE PA já podem acessar os locais de realização das provas objetivas no site do Instituto IBFC, organizador.

As provas objetivas do concurso TRE PA estão marcadas para o próximo domingo, dia 16. Os candidatos já podem consultar os locais de aplicação do exame no site do Instituto IBFC, organizador da seleção.

As avaliações serão aplicadas em dois turnos. Pela manhã responderão ao exame os concorrentes às vagas de analista judiciário. A abertura dos portões está marcada para às 7h30 e a avaliação terá início às 8h45.

No turno da tarde serão aplicados os exames dos candidatos às vagas de técnico judiciário. Nesse caso os portões serão abertos às 13h45, com o início das provas marcado para as 15 horas.

+ Concurso TRE-PA: saiba como fazer uma boa prova discursiva

 A prova objetiva terá caráter eliminatório e classificatório e será composta por 80 questões. Os itens serão distribuídos por disciplinas de Conhecimentos Gerais (40) e Conhecimentos Específicos (40).

A prova de Conhecimentos Gerais será composta por itens de Gramática e Interpretação de Texto da Língua Portuguesa; Noções de Informática; Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais; Direito das Pessoas com Deficiência e Regimento Interno do Tribunal.

Para os inscritos nas vagas de técnicos da área administrativa também haverá questões de Noções de Arquivologia. Já as questões de Conhecimentos Específicos vão variar de acordo com o cargo.

As questões de Conhecimentos Gerais terão peso um e as de Conhecimentos Específicos peso três. Cada questão valerá 0,25 pontos, de forma que o total de pontos nos itens de Conhecimentos Gerais será 10 e de Conhecimentos Específicos, 30.

Serão aprovados os que alcançarem um mínimo de 60% das questões de cada uma das disciplinas. Ou seja, 24 acertos em cada uma.

Candidatos às vagas de analista também farão prova discursiva

Serão quatro horas de prova para analistas e três para técnicos. O prazo maior para os inscritos nas vagas de analista se deve ao fato de que esses concorrentes ainda deverão responder nesse mesmo dia uma prova discursiva.

A avaliação contará com uma questão relacionada à disciplinas de Conhecimentos Específicos. Esta deverá ser redigida em no mínimo 20 e no máximo 30 linhas. O exame terá peso dois e valerá até 10 pontos.

De acordo com as recomendações da própria organizadora do concurso, os concorrentes devem comparecer aos locais de prova com o documento de identidade original e o cartão de convocação para a prova. A avaliação deverá ser respondida com caneta esferográfica de tinta azul ou preta, em material transparente.

Os participantes só poderão se retirar do local de prova depois de passadas duas horas do início da avaliação. Na saída ao candidato deve entregar, obrigatoriamente, o caderno de questões e a folha de respostas.

Não será permitida a entrada de armas de fogo ou objetos similares, mesmo que o concorrente possua o respectivo porte. O IBFC recomenda, ainda, que os concorrentes não levem celulares ou quaisquer outros aparelhos eletrônicos para realização do exame.

+ Descansar ou estudar na véspera da prova do seu concurso?

TRE-PA
TRE PA oferece remunerações de até R$13 mil (Foto:Divulgação)


Concurso TRE PA recebeu mais de 31 mil inscrições

Mais de 31 mil pessoas se inscreveram no concurso TRE PA, o cargo que mais atraiu concorrentes foi o de técnico judiciário da área administrativa, com 20.055 inscritos. Serão cerca de 10.027 candidatos por vaga.

Em seguida ficou o de analista judiciário, com 5.179 candidaturas. Para analista judiciário da área administrativa foram 3.740 inscritos. Já o cargo de analista judiciário, apoio especializado da área de análise de sistemas recebeu 826 inscrições.

Por fim, o cargo de técnico judiciário da área de operações de computadores conta com 1.176 candidatos e, para analista judiciário área de Medicina (Psiquiatria), são 35 candidaturas.

+ A importância de revisar as questões na prova do concurso

O concurso oferece três vagas imediatas, além de vagas para formação de cadastro de reserva. Duas vagas imediatas são para técnicos da área administrativa, que exige o nível médio. Outra função que exige o nível médio é a de técnicos em operação de computadores, cujas vagas são para cadastro de reserva.

A outra vaga imediata é destinada ao cargo de analista da área judiciária sem especialidade, que pode ser concorrida por graduados em qualquer área. Também há formação de cadastro para analista com especialidade em Psiquiatria, em Análise de Sistemas e analista judiciário da área administrativa.

A remuneração para técnicos é de R$8.501,45 e para analistas, de R$13.365,38. Os valores contam com o auxílio-alimentação, de R$910,08 e a Gratificação por Atividade Judiciária (GAJ).

Os servidores ainda terão direito ao benefício de assistência pré-escolar por dependente de até cinco anos, no valor de R$712,62. A carga de trabalho para todos os profissionais será de 40 horas por semana, exceto os aprovados nas vagas para psiquiatra. Nesse último caso, a jornada de trabalho será de 20 horas semanais.