Concurso TRE PA: saem gabaritos preliminares das provas objetivas

Já estão disponíveis no site do IBFC os gabaritos preliminares das provas objetivas do concurso.

Os gabaritos preliminares das provas objetivas do concurso TRE PA já estão disponíveis no site do IBFC. As avaliações foram realizadas neste domingo, dia 15.

Haverá uma prazo para recursos, que será de dois dias úteis, contados a partir do dia seguinte à publicação dos resultados. As solicitações deverão ser feitas das 9h às 16 horas, em formulário próprio a ser disponibilizado no site do IBFC.

As avaliações foram aplicadas em dois turnos. Pela manhã, fizeram a prova os inscritos nas vagas de analista judiciário. Os candidatos tiveram quatro horas de prova. Isso porque além das questões objetivas, foi aplicada uma prova discursiva. No turno da tarde os concorrentes às vagas de técnico judiciário responderam seus exames. 

A prova objetiva foi composta por 80 questões. Os itens foram distribuídos por disciplinas de Conhecimentos Gerais e Específicos. O exame tem caráter eliminatório e classificatório. Na parte de Conhecimentos Gerais foram exigidas questões de:

  • Gramática e Interpretação de Texto da Língua Portuguesa; 
  • Noções de Informática; 
  • Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais; 
  • Direito das Pessoas com Deficiência; e Regimento Interno do Tribunal.

Apenas para os candidatos às vagas de técnicos da área administrativa foram cobradas perguntas de Noções de Arquivologia. Já as questões de Conhecimentos Específicos variaram de acordo com os cargos.

Alguns candidatos do concurso reclamaram nas redes sociais sobre o nível de dificuldade da avaliação. De acordo com as publicações, o exame apresentou questões muito longas para pouco tempo de realização.

"Que tempo foi esse? Olha...uma prova com questões tão longas e com esse tempo", questionou uma candidata.

Outra participante ainda completou: "Horrível. Chega a ser desumano. Prova enorme, cheia de textos, banca detalhista que cobra letra de lei, 3h pra resolver 80 questões gigantescas. Maldade da IBFC."

+ Como funcionam os recursos nos concursos públicos?

TRE PA
Candidatos do concurso TRE PA fizeram prova neste domingo, dia 16
(Foto: Divulgação)

Entenda os critérios de correção da prova

Os itens de Conhecimentos Específicos terão peso três, enquanto os de Conhecimentos Gerais terá peso um. Cada questão do exame valerá 0,25 pontos. Os concorrentes poderão somar até 10 pontos em Conhecimentos Gerais e 30 pontos em Conhecimentos específicos.

Para serem aprovados, os candidatos deverão garantir 24 pontos em cada parte da prova (Conhecimentos Gerais e Específicos). O número equivale a 60% de acerto para cada. 

De acordo com o edital do concurso, serão considerados habilitados os que ficarem até as seguintes colocações:

  • Analista judiciário — área judiciária (sem especialidade):200ª
  • Analista judiciário — área administrativa (sem especialidade): 50ª
  • Analista especializado — apoio especializado (Análise de Sistemas): 50ª
  • Analista especializado — apoio especializado (Psiquiatria): 50ª
  • Técnico judiciário — área administrativa: 200ª
  • Técnico judiciário — apoio especializado (operação de computadores): 200ª

No caso dos concorrentes às vagas de analista, somente serão corrigidas as provas discursivas dos aprovados na prova objetiva. O exame terá peso dois e valerá até 10 pontos.

A correção da prova será baseada em três critérios:

Estrutura: texto predominantemente dissertativo-argumentativo, com ideias relacionadas ao caso proposto = três pontos;

Conteúdo: análise das ideias fundamentais do texto observando a fidelidade ao caso proposto, consistência e relevância argumentativa, progressão temática, e senso crítico do candidato = cinco pontos;

Expressão: contribuição ideativa do candidato, avaliando, ao mesmo tempo, a sua adequação vocabular ao caso e a fidelidade ao registro culto da língua portuguesa = dois pontos.

TSE autoriza mais vagas imediatas para o concurso TRE PA

Foram anunciadas três vagas para o concurso TRE PA. No entanto, de acordo com uma publicação feita na página do tribunal no Facebook, a oferta imediata será ampliada.

A determinação está de acordo com a Portaria nº 33/2020, da Presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Segundo a Portaria, o número de vagas para os cargos de analista passa a ser de cinco, ao invés de apenas uma oportunidade para a área judiciária ofertada no edital. As novas vagas poderão ser aproveitadas em qualquer cargo de analista, a critério da instituição. 

Para técnico, que antes contava com apenas duas vagas ofertadas, o número chega a cinco oportunidades, que já serão providas de imediato. Além de oportunidades para formação de cadastro de reserva. 

Há chances para técnicos da área administrativa e técnicos em operação de computadores, que exige o nível médio. Além do cargo de analista da área judiciária sem especialidade, analista com especialidade em Psiquiatria, em Análise de Sistemas e analista judiciário da área administrativa.

A remuneração para técnicos é de R$8.501,45 e para analistas, de R$13.365,38. Os valores são compostos pelo vencimento básico, o auxílio-alimentação, de R$910,08 e a Gratificação por Atividade Judiciária (GAJ).

Os servidores ainda terão direito ao benefício de assistência pré-escolar por dependente de até cinco anos, no valor de R$712,62. A carga de trabalho para todos os profissionais será de 40 horas por semana, exceto os aprovados nas vagas para psiquiatra. Nesse último caso, a jornada de trabalho será de 20 horas semanais.

Concurso recebeu mais de 31 mil candidaturas

O concurso recebeu mais de 31 mil inscrições. O cargo de técnico judiciário da área administrativa, foi o  que mais atraiu inscritos, com 20.055 candidaturas. A concorrência é de 10.027 candidatos por vaga.

Em segundo lugar ficou a função de analista judiciário foram 5.179 inscrições. Para analista judiciário da área administrativa foram 3.740 inscritos. E para o cargo de analista judiciário, apoio especializado da área de análise de sistemas foram 826 inscrições.

O cargo de técnico judiciário da área de operações de computadores conta com 1.176 inscrições. Por fim, para analista judiciário área de Medicina (Psiquiatria), são 35 candidaturas.