Folha Dirigida Entrar Assine

Concurso TJ-RO divulga convocação para as provas objetivas de juiz

Previstas para 27 de outubro, o TJ-RO já divulgou o edital de convocação para as provas objetivas.

Embora ainda falte mais de um mês, o Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia já divulgou o edital de convocação para as provas objetivas do concurso TJ-RO para juiz substituto. O exame será aplicado em 27 de outubro, domingo.

Confira a convocação

De acordo com o documento, os candidatos devem se atentar aos seguintes horários:

  • Abertura dos portões: 7h30;
  • Fechamento dos portões: 8h30; e
  • Início da prova: 9h.

Os exames serão aplicados na Faculdades Integradas Aparício Carvalho - Fimca (Rua das Araras, 241, Eldorado, Porto Velho). O edital recomenda presença com uma hora de antecedência e os participantes devem estar munidos com documento de identificação válido.

+ Descomplique seus estudos e seja aprovado no concurso!

(Foto: Divulgação)
TJ-RO convoca inscritos para provas objetivas do concurso de juiz
(Foto: Divulgação)

Com caráter eliminatório e classificatório, o exame será dividido em três blocos que somam 100 questões, sendo eles:

  • Bloco I (35 questões): Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito do Consumidor e Direito da Criança e do Adolescente;
  • Bloco II (35 questões):  Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Constitucional e Direito Eleitoral; e
  • Bloco III (30 questões): Direito Empresarial, Direito Tributário, Direito Ambiental e Direito Administrativo.

Na segunda etapa, os aprovados passarão por uma prova discursiva com uma dissertação e quatro questões, além de uma prática com duas sentenças: uma de natureza cível e uma de natureza criminal. A previsão é de que sejam aplicadas entre 9 e 11 de fevereiro de 2020.

Concurso TJ-RO tem salário de R$28,8 mil

Publicado em maio deste ano, o edital do concurso TJ-RO trouxe uma oferta reduzida de vagas. São apenas cinco chances para juízes substitutos. No entanto, mais poderão ser preenchidas durante o prazo de validade, 

É preciso ter diploma de nível superior em Direito, além de, pelo menos, três anos de atividade jurídica até a data da inscrição definitiva e idade máxima de 65 anos. Há reserva de uma vaga para pessoa com deficiência e uma para pessoa negra. 

+ Prepare-se para o concurso com questões ilimitadas

O concurso contará, ainda, com uma terceira etapa, somente eliminatória, que terá: inscrição definitiva; sindicância da vida pregressa e investigação social; exames de sanidade física e mental; e avaliação psicológica.

Na quarta etapa, os candidatos passarão por uma prova oral de caráter eliminatório e classificatório, com peso dois, enquanto que a quinta e última avaliação consistirá em uma avaliação de títulos, apenas classificatória, com peso um na pontuação final. 

Confira o material de preparação da FOLHA DIRIGIDA e comece já os estudos para o concurso!

E-books 
Provas para download
Artigos sobre concursos
Editais verticalizados
Vídeos com dicas 

Comentários