Concurso TJ-RJ: confira plano de estudos para todas as disciplinas

Professor Marcus Silva elaborou um plano de estudos para todas as disciplinas do concurso TJ-RJ, que deverá ter vagas de técnico e analista.

Um dos concursos mais aguardados deste ano, no Estado do Rio de Janeiro, é o do Tribunal de Justiça. Com edital previsto para o segundo semestre, a orientação de especialistas é para que os interessados já iniciem os estudos.

Para ajudar na preparação daqueles que pretendem concorrer a uma vaga de técnico judiciário, que exige apenas o nível médio, o professor Marcus Silva, do Mentalidade Concurseira, elaborou um plano de estudos, abrangendo todas as disciplinas que foram cobradas na seleção anterior, realizada em 2014.

O professor elaborou um plano para quem tem disponibilidade de estudar 24 horas semanais, mas que pode ser adaptada para quem tem mais tempo para se dedicar à preparação.

“Se o candidato já estiver bem em alguma das matérias, poderá fazer adequações pontuais e redirecionar carga horária para outras disciplinas que mereçam maior atenção. Mas isso é muito individual e cada um deve fazer as suas análises”, disse.

Marcus Silva acredita que o programa anterior, de 2014, é a melhor referência de estudo, pois acha que não ocorrerão mudanças significativas. “Acredito que possa haver alterações pontuais, sobretudo no conteúdo de Direito, tendo em vista que já estamos há quase cinco anos deste edital. Mas o corpo central não deve ter mudanças significativas. “

 Atenção em Direito Civil deve ser redobrada

Segundo o professor Marcus Silva, os futuros candidatos precisam, ao longo da preparação, dar atenção especial à disciplina de Direito Civil, que sofreu muitas alterações de 2014 para cá.

“O edital anterior é de 2014. Em março de 2016 passou a vigorar a Lei 13.105/2015, o Código de Processo Civil (CPC/2015). Ainda que em parte haja repetição do texto anterior (CPC/1973), há muitas e importantes inovações.

Concurso TJ-RJ: professor dá dicas para Direito Administrativo

E, desde então, o Código já passou por alterações, com algumas leis que já alteraram o novo sistema processual, inclusive em 2019 (Lei 13.793/2019)”, alertou.

Concurso TJ-RJ (Foto: PGE-RJ)
Concurso TJ-RJ para técnicos e analistas é esperado em 2019
(Foto: PGE-RJ)


Marcus Silva destacou ainda que, neste primeiro momento, os futuros candidatos devem estudar fazendo resumos e resolvendo questões de diversas bancas, sem focar em nenhuma especificamente. Ele explica que o maior erro que uma pessoa pode cometer é estudar sem um planejamento.

“Começar a estudar de forma desorganizada pode custar muito caro. É melhor ‘perder’ um tempo antes de iniciar os estudos com o planejamento inicial, que começar e perceber lá na frente que a execução não estava tão correta. Poderá ser tarde demais.”

O concurso para a área de apoio do TJ-RJ está na agenda do novo presidente do tribunal, desembargador Cláudio de Mello Tavares. Ele já destacou a necessidade de se contratar novos servidores para suprir a carência e as aposentadorias previstas.

De acordo com a Assessoria de Imprensa do TJ-RJ, o concurso deverá contemplar os mesmos cargos da seleção anterior.

Sendo assim, as vagas deverão ser para técnico judiciário (nível médio) e analista nas seguintes especialidades: execução de mandados (formação em Direito), comissão da justiça, da infância, da juventude e do idoso (superior em Direito, Administração, Serviço Social, Sociologia, Psicologia ou Pedagogia) ; assistência social e psicologia (formação nas respectivas áreas).

A remuneração é de R$7.603,89 mensais. O prazo de validade do último concurso terminará em agosto, para técnico, e em setembro, para analista. Por isso é que o edital da nova seleção deverá ser divulgado no segundo semestre deste ano.

Novo concurso TJ-RJ para magistratura nos planos

A oferta de vagas ainda será anunciada, mas vale destacar que o TJ-RJ tem um histórico de realizar muitas contratações. Até o momento, mais de 880 aprovados do último certame já foram chamados.

Acesse preparação para concursos
com videoaulas!

Curso preparatório

Você sabe estudar para concurso por áudio?



Comentários