Concurso TJ-AM: edital com 160 vagas deve sair a partir de julho

De acordo com o presidente do TJ-AM, o concurso terá 160 vagas para assistentes e analistas, com edital publicado a partir de julho.

O edital do concurso para o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM) deve sair no início do segundo semestre. Além do prazo, o presidente do órgão, Yedo Simões, revelou outros dados importantes da seleção nesta quinta-feira, 30, durante a assinatura do contrato com o Cebraspe, banca organizadora.

A oferta do concurso será de 160 vagas imediatas mais cadastro de reserva. De acordo com Simões, 140 oportunidades serão para assistente judiciário (nível médio) e 20 para analista judiciário (nível superior).  A seleção será regionalizada. Isto é, com vagas para as comarcas da capital, Manaus, e do interior.

Para capital, 127 chances serão para assistente judiciário nas funções: sem especialidade (100 vagas); programador (10); suporte ao usuário de informática (15) e técnico de segurança do trabalho (duas).

Ainda em Manaus, haverá 20 vagas para o cargo de analista judiciário nas áreas de: Analise de Sistemas (cinco); Arquivologia (uma); Biblioteconomia (uma); Contabilidade (três); Direito (duas); Engenharia Civil (duas); Estatística (uma); Médico do Trabalho (uma); Psicologia (duas) e Serviço Social (duas).

Presidente do TJ-AM assina contrato com Cebraspe como banca
organizadora do concurso (Foto: Divulgação/TJ-AM)

 

No caso interior do estado, todas as oportunidades serão para assistente, de nível médio. Das vagas, sete serão para a Sub-Região do Alto Solimões (abrangendo as comarcas de Atalaia do Norte, Benjamin Constant, São Paulo de Olivença, Santo Antônio do Içá, Tabatinga e Amaturá).

Além de seis vagas para a Sub-Região do Baixo Amazonas (com as comarcas de Parintins, Barreirinha, Boa Vista do Ramos, Nhamundá, São Sebastião do Uatumã e Urucará). Essas duas regiões eram as únicas que não foram contempladas pelo último concurso regionalizado do tribunal.

As remunerações iniciais são de R$4.588,34 e R$8.936,96, respectivamente. Os servidores também recebem auxílio-alimentação de R$1.669,38 e auxílio-saúde de R$390,85.

• Concurso TJ-AM: Cebraspe é confirmado como banca organizadora

Resumindo, as vagas do concurso para servidores do Tribunal do Amazonas serão distribuídas da seguinte forma:

Cargo Nº de vagas Especialidades
Assistente judiciário (nível médio) Capital - 127 vagas Sem especialidade (100 vagas)
Programador (10 vagas)
Suporte ao Usuário de Informática (15 vagas)
Técnico de Segurança do Trabalho (2 vagas)
Interior - 13 vagas Assistente judiciário geral (11 vagas)
Suporte ao Usuário de Informática (2 vagas)
Analista judiciário (nível superior) Capital - 20 vagas Analista de sistemas (5 vagas)
Arquivologia (1 vaga)
Biblioteconomia (1 vaga)
Contabilidade (3 vaga)
Direito (2 vagas)
Engenharia Civil (2 vagas)
Estatística (1 vaga)
Médico do Trabalho (1 vaga)
Psicologia (2 vagas)
Serviço Social (2 vagas)

Concurso TJ-AM será composto por duas etapas

O presidente do tribunal ainda informou que o concurso TJ-AM será composto por duas etapas: provas objetivas para todos os cargos; avaliação de títulos para os cargos de analista judiciário (nível superior).

Como adiantado por FOLHA DIRIGIDA, a previsão é que as provas ocorram no final do ano, em novembro. Com data a ser definida, o exame objetivo para os cargos de assistente e analista, tanto para provimento na capital quanto no interior, deverão ser aplicadas no mesmo dia (em um domingo), porém em turnos diversos.

• Provas do concurso TJ-AM devem ocorrer até novembro, diz presidente

Dessa forma, uma mesma pessoa poderá se candidatar a cargos dos níveis médio e superior. As provas objetivas serão compostas por itens de ‘certo’ ou ‘errado’, como é característica da banca Cebraspe (antigo Cespe/UnB).

Os candidatos que concorrerão às vagas para a Sub-Região do Alto Solimões deverão realizar as provas exclusivamente no município de Tabatinga. Já os inscritos para a Sub-Região do Baixo Amazonas deverão realizar os exames exclusivamente em Parintins.

O valor da taxa de inscrição para o cargo de assistente judiciário (nível médio) deverá ser fixado em R$90 e em R$150 para o cargo de analista (nível superior).

Com concurso, TJ-AM busca maior qualificação

Em entrevista coletiva após a assinatura do contrato com o Cebraspe, o presidente do TJ-AM afirmou que com o concurso tem como objetivo a qualificação de seu quadro funcional.

“Estamos anunciando o concurso com a perspectiva de qualificar nosso quadro de pessoal. Antes deste anúncio, uma comissão preparatória realizou estudos detalhados focando a necessidade funcional do Judiciário sob a perspectiva de nossa previsão orçamentária, chegando a este número de vagas (160) e aos cargos ofertados”.

Presente na coletiva, o coordenador de negócios do Cebraspe, José Otávio Guimarães, falou do compromisso da banca com o cumprimento de todos os termos contratuais. Ele também destacou a experiência acumulada da banca.

• Participe do grupo de carreiras judiciárias no Telegram!

“Como em todos os concursos públicos pela nossa instituição organizados, nos empenharemos para atender com qualidade, rigor e idoneidade ao Tribunal de Justiça do Amazonas”, apontou o representante do Cebraspe.

No vídeo abaixo, saiba como vencer as provas do Cespe em concursos:

CADASTRE-SE

Para ter acesso a este conteúdo

CADASTRE-SE


Comentários