Versão nova do site ativada

Com homologação do concurso pendente, TJ AM tem 228 temporários

Sem a homologação do concurso TJ AM e a posse de aprovados, Tribunal de Justiça do Amazonas acumula mais de 200 funcionários temporários

09/06/2020 18:47 | Atualizado: 09/06/2020 19:00

09/06/2020 18:47 | Atualizado: 09/06/2020 19:00

À espera da homologação do concurso TJ AM com 160 vagas imediatas, o Tribunal de Justiça do Amazonas acumula 228 profissionais temporários. O número de empregos consta em levantamento publicado pelo órgão, no final de abril.

Os temporários desfrutam de remunerações de até R$10 mil, de acordo com o portal da transparência do tribunal. Nas redes sociais, aprovados no concurso para assistente e analista judiciário cobram a homologação do resultado do concurso para efetivos.

Em maio, a Corte Estadual de Justiça do Amazonas decidiu por suspender a homologação pelos desdobramentos sociais e orçamentários da pandemia do Coronavírus. Os desembargadores acharam prudente não homologar o resultado, uma vez que as consequências da Covid-19 ainda são imensuráveis.

A suspensão, segundo o próprio tribunal, é uma maneira de preservar os interesses públicos e particulares dos envolvidos no concurso. Uma nova data para homologação do concurso TJ AM ainda será divulgada pelo Poder Judiciário do Amazonas.

TJ AM suspende homologação de concurso para área de apoio
Concurso TJ AM tem homologação adiada em razão da pandemia
do Coronavírus (Foto: Divulgação/TJ AM)

 

O atual presidente do órgão, desembargador Yedo Simões, disse que o objetivo é substituir os profissionais temporários pelos aprovados no concurso. As convocações, segundo ele, devem ser iniciadas após parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE AM).

"Nossa intenção, após a homologação deste resultado pelo Pleno da Corte, é iniciar a convocação dos candidatos aprovados, que será feita paulatinamente para substituir servidores temporários”, afirmou no dia 10 de março.

No aguardo pelas nomeações, a comissão de aprovados no concurso usa a internet para cobrar a homologação. A hashtag #homologaTJAM já acumula centenas de menções no Twitter e Instagram.  

“Diante da inércia do Tribunal, nós, os aprovados no último edital do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM), estamos nos mobilizando para que haja a efetiva homologação do certame e consequente nomeação, tendo em vista o grande número de servidores temporários ocupando nosso lugar no quadro do tribunal. Nesse contexto, encontra-se evidenciada a necessidade de pessoal, ressaindo daí nosso direito de nomeação”, disse a comissão.

Outro ponto levantado pelos aprovados é que o Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ MA), que publicou edital do concurso após o do Amazonas, já realizou as primeiras nomeações. Compare as datas abaixo:

AtividadeTJ MaranhãoTJ Amazonas
Edital publicado01/08/1903/07/19
Resultado final13/03/2010/03/20
Homologação13/03/20Pendente
Primeiras nomeações05/06/20Pendente

*Fonte: comissão de aprovados no concurso TJ AM

+ Quer passar em concursos públicos? Saiba como!

TJ AM tem carência de 380 cargos efetivos

Ao passo que o tribunal acumula 228 funcionários temporários, há também 380 cargos efetivos sem preenchimento . Desse total, 199 são de assistente judiciário (nível médio) e 181 de analista judiciário (nível superior).

Em entrevista coletiva, em julho do ano passado, o presidente do TJ AM disse que até 300 classificados poderiam assumir os postos durante 2020. Dessa forma, o cadastro de reserva da seleção deve ser bem aproveitado no decorrer da validade do concurso, de dois anos, podendo ser prorrogada por mais dois.

"É a concretização de uma meta. A chance para as pessoas que queiram fazer esse concurso", disse o desembargador Yedo Simões.

O destaque do concurso TJ AM foi o cargo de assistente judiciário, com 140 vagas de nível médio completo. O salário inicial é de R$4.558,34. As chances foram distribuídas entre as comarcas da capital, Manaus, e do interior do Estado.

As demais 20 oportunidades foram para carreira de analista, que exigiu nível superior na área de interesse. As remunerações são de R$8.936,96. Os selecionados ainda usufruem de auxílio-alimentação de R$1.761,20 e auxílio-saúde de R$412,34. 

+ Concurso TJ AM: homologação é suspensa devido à pandemia

Concurso TJ AM: mais de 68 mil candidatos

De acordo com o Tribunal de Justiça do Amazonas, o concurso para área de apoio registrou 68.750 inscrições. A maior parte foi para assistente sem especialidade, com 53 mil candidatos.

Nas áreas de analista judiciário, Direito teve o maior número de inscrições: 5.734 para apenas duas vagas imediatas mais cadastro de reserva. Por mais que o número de inscrições tenha sido alto, nas provas objetivas, aplicadas em outubro do ano passado, cerca de 20% dos candidatos não compareceram ao exame.

As avaliações foram realizadas nas cidades de Manaus, Tabatinga e Parintins. Para assistente judiciário, as provas contaram com 100 questões, das quais 40 de Conhecimentos Básicos e 60 de Conhecimentos Específicos.

Já para analista foram 120 itens, sendo 40 de Conhecimentos Básicos e 80 de Conhecimentos Específicos. Também houve uma fase de análise de títulos, somente para concorrentes de analista judiciário.

Newsletter

Newsletter

Quer receber novidades sobre concursos?

Quer receber diretamente no seu e-mail as principais notícias dos concursos da sua região?

E de quebra dicas para seus estudo? Cadastre-se gratuitamente na newsletter FD para ter tudo isso!

Sobre o concurso

Inscrições Encerradas

TJ-AM - 2019 - Servidores

AM
Até R$8936,96
Fund...
160 vagas