Concurso TCM-Rio: órgão avalia internamente contratação da banca

O Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro (TCM Rio) analisa como será feito o processo de escolha da organizadora da seleção.

O Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro deve anunciar novidades sobre o concurso em breve. Segundo informações da comissão do concurso TCM Rio, ainda estão sendo analisado internamente como será feito o processo de contratação da organizadora.

Em 2019, quando ainda eram realizados os primeiros trâmites em relação ao concurso, o Departamento de Recursos Humanos do Órgão havia informado que a escolha seria feita por dispensa de licitação. No entanto, a nova informação é de que o modo como será conduzida a contratação da banca ainda está em definição.

Se, de fato, a organizadora for escolhida por meio de dispensa de licitação, o processo de contratação tende a ser mais ágil. Procurado pela FOLHA DIRIGIDA,  o tribunal afirmou que mais informações a respeito desse processo devem ser divulgadas nas próximas semanas.

O concurso TCM Rio ofertará 28 vagas, para o cargo de auditor de controle externo, que exige o nível superior. Desse total, 23 serão para auditores sem especialidade e cinco para a área de Tecnologia da Informação.

+ Concurso TCM-Rio: auditor dá dicas e orienta futuros candidatos

TCM Rio
Candidatos farão provas objetivas e discursivas no mesmo dia 
(Foto: Divulgação)

TCM Rio oferece remunerações de até R$19 mil

Enquanto as vagas para auditor sem especialidade poderão ser concorridas por graduados em qualquer curso, as de TI serão destinadas a quem tem formação específica na área.

Neste último caso também serão aceitas inscrições de candidatos com nível superior em qualquer área acompanhado de certificado de curso de pós-graduação (especialização, mestrado ou doutorado) na área de TI de, no mínimo, 360 horas. 

A remuneração para auditores do TCM Rio em início de carreira é de R$15.226,81. O valor é composto pelo vencimento básico, de R$2.356,81 e a gratificação de controle externo de R$12.870.

Após três meses de trabalho, os servidores passam a receber encargos especiais, de R$4.633,20. Assim, a remuneração eleva para R$19.860,01. Além disso, os profissionais têm direito a outros benefícios, como: 

  • Auxílio-saúde (até R$1.400);
  • Auxílio-refeição (R$1.133);
  • Auxílio-creche (R$1.287), para quem tem dependentes de até seis anos;
  • Auxílio-educação (R$1.287), no caso de dependentes de até 17 anos.

Os auxílios-creche e educação ficam limitados a somente dois dependentes. O regime de contratação é o estatutário, que garante estabilidade empregatícia aos servidores, após três anos ininterruptos de trabalho. A carga de trabalho dos profissionais será de 40 horas por semana.

Etapas de seleção do concurso TCM Rio já estão confirmadas

As etapas de seleção do concurso TCM Rio já foram confirmadas pela comissão organizadora do concurso. As informações foram divulgadas por meio de uma nota informativa divulgada no site do tribunal.

O concurso deverá ser realizado em duas etapas: provas objetivas e discursivas. As avaliações deverão ser aplicadas no mesmo dia, mas em turnos diferentes. Ambas terão caráter eliminatório e classificatório.

Conforme consta na nota, a prova objetiva será composta por cerca de 100 questões. Já as avaliações discursivas poderão ter até três perguntas e um caso prático a ser respondido na forma de manifestação técnica e dentro da norma culta da Língua Portuguesa. 

O conteúdo programático das provas considerará o perfil demandado pelas áreas técnicas do TCM RJ, além das competências requeridas para os cargos. Para o auditor de controle externo sem especialidade, por exemplo, deverão ser exigidos conteúdos jurídicos e demais conhecimentos, como auditoria e controle externo.

Ou seja, assuntos aderentes à atuação profissional e que contribuam com o exercício do controle sob ponto de vista técnico-gerencial e holístico. De maneira a ampliar as abordagens estritamente jurídico-formais.

Para a carreira de auditor de controle externo – especialidade Tecnologia da Informação os conteúdos cobrados serão específicos da área. A comissão organizadora do concurso ressaltou na nota informativa que alterações nessa estrutura poderão ser feitas até a publicação do edital. 

Comentários