Concurso TCE-RJ: ganhos do analista podem chegar a R$16 mil

Remuneração de analista de controle externo do TCE-RJ pode chegar a R$16 mil com benefícios e gratificações.

Quem ainda está na dúvida se participará do próximo concurso do TCE-RJ - Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro - tem um bom motivo para se inscrever: os ganhos iniciais do cargo de analista podem chegar a R$16 mil. Além do vencimento básico, os servidores têm direito a gratificação e uma série de benefícios. 

Ao ingressar na carreira de analista de controle externo, o servidor recebe vencimento-base de R$7.410,17 - e não R$4.446,08, como informado anteriormente - mais a gratificação de controle externo de R$6.298,64. Juntos, eles somam um ganho total de R$13.708,81. Os valores atualizados foram confirmados pelo tribunal.

Ainda são concedidos outros quatro auxílios, sendo eles:

  • auxílio-alimentação - R$1.064,80
  • auxílio-saúde - R$726
  • auxílio-transporte - R$314,60
  • auxílio-educação - R$1.174

Esse último corresponde ao valor concedido a cada dependente e cujo limite é de até três pessoas. Somando todos os benefícios, o analista pode elevar seus ganhos a R$16.998,21 no início da carreira. 

Ainda que não possua dependentes e, portanto, não faça jus ao auxílio-educação, a remuneração mensal pode alcançar R$15.814,21 iniciais. Vale lembrar que esses ganhos ainda aumentam com as progressões na carreira. 

TCE-RJ: especialista pede disciplina e dedicação nos estudos
. Concurso TCE-RJ para área de apoio: como estudar?
. Concursos tribunais 2019: como estudar?

Prepare-se para o concurso de TCE-RJ

Confira dicas de estudo para concursos

TCE-RJ iniciou preparativos do concurso com 40 vagas

O concurso TCE-RJ oferecerá 40 vagas de analista de controle externo, que exige formação superior, conforme a especialidade da função. O cargo é dividido entre as áreas Organizacional e de Controle Externo, cada uma com várias especialidades.

As do próximo edital ainda não foram divulgadas pelo TCE-RJ. A expectativa é que sejam contempladas oportunidades em TI, Administração em Saúde, Controle Externo, Direito e outras, assim como no edital anterior. 

A seleção foi autorizada durante sessão plenária realizada no dia 14 de março, formalizada em publicação no Diário Oficial do dia 15. O próximo passo será a formação de uma comissão organizadora. 

. Os 13 passos de um concurso público. Entenda!

O grupo, que será presidido pelo conselheiro Rodrigo Melo do Nascimento, será responsável por elaborar o regulamento do concurso e acompanhar todas as etapas, desde a escolha da banca até a homologação. 

TCE-RJ (Foto: Divulgação/ MPC-ES)
Concurso TCE-RJ está no orçamento para 2019
(Foto: Divulgação/ MPC-ES)

Edital do concurso deve ser ainda este ano

Segundo informações transmitidas à FOLHA DIRIGIDA pelo gabinete de Nascimento, os preparativos para o concurso já foram iniciados. Ainda não há previsão oficial de quando o edital será publicado, mas todo o trâmite dele levar alguns meses.

A expectativa é que abertura da seleção ocorra ainda este ano. Principalmente porque a presidente do tribunal, Mariana Montebello, afirmou que os recursos para o provimento dos cargos estão previstos no Orçamento de 2019 . 

“O processo (para autorização do concurso) também foi submetido à Secretaria-Geral de Planejamento, que informou que o Orçamento de 2019 comporta as despesas para a contratação de 40 analistas.”

Outro fator que reforça a necessidade do concurso para breve é que o TCE-RJ só poderá preencher cargos vagos de analista depois que homologar a nova seleção. Acontece que o último edital, publicado em 2012, já teve validade expirada. 

. Como funciona o prazo de validade do concurso

Na época, foram ofertadas 100 vagas, das quais 89 eram de analistas de controle externo, sendo 13 da área Organizacional e 76 da área de Controle Externo. As especialidades concorridas foram: 

  • Administração em Saúde (cinco vagas)
  • Ciências Contábeis (sete)
  • Controle Externo (24)
  • Direito (15)
  • Engenharia Civil (24)
  • Tecnologia da Informação (sete)
  • Organizacional (seis)
  • Pedagogia (uma)

Os candidatos foram avaliados por meio de provas objetivas e discursivas, além de avaliação de títulos. A primeira consistiu em 100 questões, sendo 40 de Conhecimentos Básicos e 60 de Conhecimentos Específicos. A segunda compreendeu redação e quatro questões, também de Conhecimentos Específicos.