Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Vagas para qualquer curso superior. R$11.273

Estão abertas as inscrições no concurso do Tribunal de Contas do Distrito Federal (TC-DF), destinado ao preenchimento de 29 vagas iniciais - além de formação de cadastro - de auditor de controle externo. Para participar é necessário diploma de qualquer curso de graduação. O salário é de R$11.273,99, para carga de trabalho de 40 horas por semana, no regime estatutário.

Estão abertas as inscrições no concurso do Tribunal de Contas do Distrito Federal (TC-DF), destinado ao preenchimento de 29 vagas iniciais - além de formação de cadastro - de auditor de controle externo. Para participar é necessário diploma de qualquer curso de graduação. O salário é de R$11.273,99, para carga de trabalho de 40 horas por semana, no regime estatutário.
 
Entre outras atividades, os auditores de controle externo executam atividades relacionadas à fiscalização contábil, financeira, orçamentária, patrimonial e operacional da administração pública do Distrito Federal, e examinam a legalidade dos atos de admissão, de aposentadoria, de reforma e de pensão.
 
Para se inscrever é preciso acessar o site do organizador, o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB), até 27 deste mês. Para os candidatos sem acesso à internet, o Cespe/UnB disponibiliza computadores, das 8h às 12h e das 13h às 17h, durante todo o período de inscrições, exceto sábados, domingos e feriados. A taxa é de R$110, paga por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU Cobrança,) até o dia 24 de fevereiro.
 
Haverá isenção para os doadores regulares de sangue e para quem comprovar a condição de desempregado e carente, por meio do requerimento de isenção, disponível no endereço eletrônico do organizador, até 27 de janeiro. A relação provisória dos candidatos com pedido de isenção deferido será divulgada até a data provável de 7 de fevereiro.O prazo de validade do concurso será de um ano, podendo ser prorrogado por igual período.
 
Provas em março, à tarde

A avaliação dos candidatos ao Tribunal de Contas-DF ocorrerá por meio de exames objetivos de Conhecimentos Gerais e Específicos, em 24 de março, e de prova discursiva, no dia seguinte. Ambos acontecerão à tarde, e terão duração de cinco horas. Os locais e o horário exato estarão disponíveis a partir de 12 do mesmo mês.
 
O grupo de Conhecimentos Gerais terá 90 questões, distribuídas por Português, Controle da Administração Pública, Diretos Constitucional, Administrativo, Civil, Processual Civil e Penal e Raciocínio Lógico. Já a parte específica inclui Auditoria Governamental, Administração Financeira e Orçamentária, Contabilidade Governamental, Administração Pública, Economia, Fiscalização de Obras Civis, Rodoviárias e Hídricas e Fiscalização de Contratos de Tecnologia da Informação.
 
Será reprovado o candidato que obtiver nota inferior a 18 no exame de Conhecimentos Básicos, menos de 33 em Conhecimentos Específicos e não alcançar 60 pontos no conjunto das provas objetivas. Na discursiva, o participante precisa conseguir nota dez em cada parte da avaliação.

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações