Concurso TC-DF: pedido tem novas movimentações e edital está próximo

O Tribunal de Contas do Distrito Federal está cada vez mais perto de publicar o edital para cargos de nível superior.

Previsto desde 2018, o Tribunal de Contas do Distrito Federal está cada vez mais perto de publicar o edital do concurso TC-DF. Na última quinta-feira, 19, o processo registrou 19 movimentações e passou por diversos setores, o que pode indicar novidades em breve.

De acordo com a consulta feita no pedido do concurso, que consta na parte de processos do site do tribunal, a demanda passou pelas seguintes unidades:

  • Secretaria-geral administrativa;
  • Assessoria administrativa;
  • Secretaria de fiscalização de pessoal; e
  • Secretaria geral de controle externo.

O concurso do Tribunal de Contas do DF já está autorizado. O aval foi oficializado em outubro de 2018, quando o despacho da autorização foi publicado no protocolo do pedido. Na época, a oferta seria de 14 vagas com chances para técnico de nível médio.

No entanto, em março deste ano o cargo de técnico de nível médio foi excluído e não será mais ofertado. As chances do concurso TC-DF serão apenas para nível superior, com 12 vagas para:

  • Auditor de controle externo (dez);
  • Procurador (uma); e
  • Auditor conselheiro substituto (uma).
(Foto: Divulgação)
TC-DF prepara edital de concurso para cargos de nível superior
(Foto: Divulgação)

O próximo passo do concurso será oficializar a banca organizadora.  O Cebraspe já teve a sua contratação autorizada pela Presidência, mas o contrato ainda não foi assinado.

"Após a realização de projeções de gastos e impactos orçamentários do referido concurso e parecer favorável da Consultoria Jurídica do Tribunal de Contas do DF, a  Presidência do TCDF  autorizou a adoção das medidas administrativas voltadas à contratação do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos – Cebraspe para a realização do concurso público desta Corte", disse o TC-DF em nota.

Concurso TC-DF para auditor conselheiro forma comissão

Após as primeiras comissões organizadoras do concurso TC-DF terem sido formadas em dezembro de 2018, na última semana foi a vez do auditor conselheiro substituto ter um grupo criado para acompanhar o concurso.

A portaria foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal da última sexta-feira, 13. O grupo que foi instituído será presidido pelo ministro-substituto do TCU, Marcos Benquerer Costa.

Diferentemente do que havíamos informado, o auditor conselheiro exige o nível superior de escolaridade e tem ganhos de R$16.187,72 em início de carreira, podendo chegar a R$28,8 mil.. Para os demais cargos os salários são R$18.938,23 para o auditor de controle externo e R$27.423,99 para procurador.

+ Descomplique seus estudos e seja aprovado no concurso!

O último concurso para o órgão aconteceu em 2014 e também teve o Cebraspe como banca. Os concorrentes passaram por provas objetiva e discursiva, sendo a primeira com 150 questões sobre Conhecimentos Gerais e Específicos, conforme relação abaixo.

Conhecimentos Gerais:

Língua Portuguesa; 
Raciocínio Lógico;
Controle da Administração Pública;
Lei Orgânica do Distrito Federal;
Direito Constitucional;
Direito Administrativo;
Direito Civil;
Direito Processual Civil;
Direito Penal.

Conhecimentos Específicos:

Auditoria Governamental;
Administração Financeira e Orçamentária;
Contabilidade Pública;
Administração Pública;
Economia;
Fiscalização de Obras Civis, Rodoviárias e Hídricas;
Fiscalização de Contratos de Tecnologia da Informação. 

Confira o material de preparação da FOLHA DIRIGIDA e comece já os estudos para o concurso!

E-books 
Provas para download
Artigos sobre concursos
Editais verticalizados
Vídeos com dicas 

Comentários