Concurso ISS Rio: SMF elabora cronograma de procedimentos internos

O concurso ISS Rio passa por trâmites internos, como definição de cronograma e verificação das vagas a serem ofertadas.

Finalizada a etapa de levantamento do quantitativo de pessoal com potencial de aposentadoria em um futuro próximo, a secretaria Municipal de Fazenda do Rio de Janeiro (SMF-Rio) trabalha na verificação das carreiras a serem contempladas no concurso ISS Rio. As informações foram divulgadas pela assessoria de comunicação do órgão.

Ainda de acordo com as informações do setor, está sendo elaborado um cronograma para as atividades internas necessárias para realização do concurso. A expectativa, agora, é pela formação da comissão organizadora.

A comissão fará o acompanhamento de todas as etapas do concurso. O grupo ficará responsável por elaborar o projeto básico, documento que reúne as principais informações sobre o concurso, como quantitativo de vagas e etapas de seleção.

As empresas interessadas em organizar a seleção analisam o projeto básico para que possam encaminhar suas propostas. Ainda não há informações se a contratação será feita por meio de Dispensa de Licitação ou se haverá um processo licitatório.

Prefeitura do Rio de Janeiro
Último concurso ISS Rio foi realizado em 2010 (Foto: Divulgação)


Cargos oferecidos no concurso ISS-Rio ainda serão confirmados

O quantitativo de vagas e os cargos ofertados na seleção ainda não foram confirmados. Porém, a expectativa é de que a carreira de fiscal de renda, cujo requisito é o nível superior, seja contemplada.

Atualmente, a remuneração inicial para a carreira é de R$23.876,91. O valor é composto pelo vencimento básico de R$1.740,51, a gratificação de produtividade fiscal, de R$18.532,80 e a gratificação complementar de R$3.603,60. A remuneração ainda pode chegar a R$40.413,80, após mais de dez anos de tempo de serviço.

Outro cargo que poderá ser oferecido é o de agente de fazenda, que exige o nível médio completo. A remuneração é de R$9.214,54, já contando o vencimento básico, de R$1.492,54; a gratificação de desempenho fazendário, de R$6.177,60; e a gratificação complementar de R$1.544,40.

Também são esperadas oportunidades para agente de trabalhos de engenharia, cujo requisito é o nível médio/técnico em Edificações e registro no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea). A remuneração inicial é de R$1.199,24, somando o vencimento básico de R$1.021,04 e o auxílio-transporte de R$178,20.

Prefeitura não realiza concurso ISS-Rio há dez anos

Em 2020 completa 10 anos que a prefeitura não realiza concurso para Secretaria de Fazenda. No concurso de 2010 a seleção ofertou 95 vagas, para as funções de fiscal de rendas (38), agente de trabalhos de engenharia (38) e agente de fazenda (19).

A empresa responsável por organizar a seleção foi a Esaf. Os candidatos foram submetidos à realização de provas objetiva e discursiva. Foram cobrados os seguintes conteúdos:

Fiscal de renda
(nível superior)

Agente de fazenda e agente de trabalhos de engenharia
(níveis médio e técnico, respectivamente)
Língua Portuguesa Língua Portuguesa
Raciocínio Lógico-Quantitativo  Raciocínio Lógico
Conhecimentos Básicos de Informática  Informática
Conhecimentos Básicos de Direito Administrativo Conhecimentos Básicos de Direito Administrativo
Conhecimentos Básicos de Direito Constitucional  Conhecimentos Básicos de Direito Constitucional
Conhecimentos Básicos de Direito Tributário Legislação Específica
Processo Administrativo Ética do Servidor na Administração Pública
Ética do Servidor na Administração Pública  
Processo Administrativo Tributário  

 

A prova discursiva foi aplicada apenas para os concorrentes às vagas de fiscal de renda.  Na avaliação, os candidatos deveriam desenvolver o tema apresentado, em no mínimo 40 linhas e no máximo 60.