Folha Dirigida Entrar Assine

Novo concurso de técnico da fazenda estadual para 2016

Um novo concurso para o cargo de técnico da fazenda estadual já estão nos planos da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo para o início de 2016. A informação foi confirmada pelo Sindicato dos Técnicos da Fazenda Estadual de São Paulo (Sitesp). “Já cobramos este concurso e o secretário da Fazenda (Renato Villela) e ele nos disse que seria inviável realizar em 2015, por causa do orçamento, mas se comprometeu a abrir o concurso no início de 2016”, revelou o presidente do Sitesp, Joaquim Goma, durante evento realizado na Assembleia Legislativa de São Paulo no último dia 19. A expectativa é de que o concurso conte com uma oferta inicial de 630 vagas, número solicitado pela Fazenda junto a Unidade Central de Recursos Humanos (UCRH).

Um novo concurso para o cargo de técnico da fazenda estadual já estão nos planos da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo para o início de 2016. A informação foi confirmada pelo Sindicato dos Técnicos da Fazenda Estadual de São Paulo (Sitesp). “Já cobramos este concurso e o secretário da Fazenda (Renato Villela) nos disse que seria inviável realizar em 2015, por causa do orçamento, mas se comprometeu a abrir o concurso no início de 2016”, revelou o presidente da entidade, Joaquim Goma, durante evento realizado na Assembleia Legislativa de São Paulo no último dia 19. A expectativa é de que o concurso conte com uma oferta inicial de 630 vagas, número solicitado pela Fazenda junto a Unidade Central de Recursos Humanos (UCRH).

A intenção era publicar o edital em 2015, mas por conta do ajuste orçamentário, realizado pelo governo deste o início do ano, a seleção foi adiada. O planejamento desta nova seleção vem desde 2013, quando expiraram os primeiros dois anos do prazo de validade do último concurso. Mas por conta do grande número de remanescentes aprovados na seleção, a Procuradoria Geral do Estado de São Paulo ordenou a prorrogação do certame.

Por contar com vagas para diversas cidades do estado, a expectativa é que a nova seleção seja regionalizada, o que permite que o candidato atue na sua região de domicilio. O técnico atua no apoio administrativo dentro da Secretaria da Fazenda. Além de dar suporte aos cargos de chefia a aos agentes fiscais de renda o servidor também atua no atendimento ao público, no âmbito da secretaria.

A exigência de nível médio completo, com uma remuneração inicial de R$1.863,15 podendo chegar a R$2.798,30 caso o servidor alcance 100% do prêmio de incentivo a qualidade. O cargo possui uma carga horária de 40 horas semanais. Tendo em vista o fim da validade em abril deste ano, a Fazenda enviou à Secretaria de Gestão o pedido de concurso em setembro de 2014. A intenção era publicar o edital já no primeiro semestre, mas devido reajuste fiscal quem vem sendo realizado pelo governo no início de 2015 a seleção foi adiada para a segunda metade do ano.

O último concurso, realizado em 2010 contou com uma oferta de 550 vagas, para um total de 49.716 inscritos. A organizadora foi a Fundação Carlos Chagas. A seleção contou apenas com prova objetiva, composta por 80 questões sendo 40 de conhecimentos gerais e 40 de conhecimentos específicos. A parte conhecimentos gerais incluiu Língua Portuguesa, Matemática e Raciocínio Lógico, Noções De Informática e Atualidades. Em conhecimentos específicos foram abordadas as disciplinas de Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Penal, Direito Tributário e Direito Civil. Os exames foram realizados nas cidades de Araçatuba, Araraquara, Bauru, Campinas, Jundiaí, Marília, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São José Do Rio Preto, Santos, São Paulo, Sorocaba e Taubaté.
 

Comentários