Com apoio de Moro, Amazonas pede concurso para agente penitenciário

Aguardado desde 2017, o concurso Seap Amazonas para agente penitenciário está nos planos do Governo do Estado, após cobrança de Moro.

O concurso para agente penitenciário da Secretaria de Administração Penitenciária do Amazonas (Seap-AM) pode ocorrer ainda este ano.

Em visita ao estado, na última segunda-feira, 10, o ministro da Justiça, Sergio Moro, cobrou do governador, Wilson Lima, uma seleção para a carreira.

Durante o encontro do Conselho Nacional dos Secretários de Estado da Justiça, Cidadania, Direitos Humanos e Administração Penitenciária do Brasil (Consej), Sergio Moro questionou o governador sobre a contratação de novos agentes penitenciários. Na ocasião, Wilson Lima informou que medidas estão sendo tomadas nesse sentido.

Em resposta, o governador do Amazonas explicou que, quando assumiu o estado, apenas 60 agentes prisionais atuavam. O último concurso para a carreira foi realizado em 1986. Segundo Wilson Lima, a seleção não ocorreu ainda porque há limitações pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

"O que nós estamos fazendo é caminhando para um entendimento junto ao Ministério Público, para que seja assinado um Termo de Ajustamento de Conduta, juntamente com o Tribunal de Contas do Estado, para que haja contratação emergencial de pessoal, para que possamos qualificar e, na sequência, realizar um concurso público”, explicou o chefe do Executivo Estadual.

O governador afirmou que a vinda do ministro a Manaus é emblemática, já que o estado enfrenta as consequências das mortes ocorridas no mês de maio, devido às brigas de grupos criminosos, em quatro unidades prisionais da capital amazonense. Ao todo, 55 detentos morreram, após os ataques.

O presidente do Consej, Pedro Eurico, afirmou que é preciso haver, por parte do Governo Federal, mais responsabilidade com o Estado do Amazonas neste momento, em que se discutem melhorias no sistema prisional do país.

Ainda durante o encontro, o secretário de estado da Seap-AM, tenente-coronel Marcus Vinicius, falou sobre os anos de abandono no sistema prisional do estado

"Nunca se teve responsabilidade de enfrentar o problema de frente, coisa que agora nós estamos fazendo. A vinda do Consej a Manaus, que foi articulada no mês de março, muito antes dos eventos ocorridos em maio, já buscava trazer o Brasil para cá para entender a nossa regionalidade", afirmou.

Concurso Sergio Moro cobra concurso Seap-AM (Foto: Divulgação)
Sergio Moro cobra concurso para agente penitenciário
no Amazonas (Foto: Divulgação)

Concurso Seap-AM é esperado desde 2017

O concurso para agente penitenciário da Seap-AM é esperado desde 2017. Na época, eram aguardadas 1.700 vagas, conforme anunciado pelo ex-governador e ex-secretário de Segurança, Bosco Saraiva, em dezembro daquele ano.

No entanto, em maio de 2018, o governo divulgou uma nova distribuição de vagas e cargos na área de Segurança. Para o concurso Seap-AM, ficaram reservadas apenas 108 oportunidades para o cargo de agente penitenciário. 

Ainda em 2018, a Secretaria de Administração informou que a redução no número de vagas para a carreira ocorreu porque o Estado do Amazonas também precisa repor servidores em outras áreas, como na Educação.

No entanto, com apenas 60 agentes penitenciários em exercício, como afirmou o atual governador, o próximo concurso Seap-AM deverá ter um novo número de vagas, para atender o sistema prisional do Amazonas.

Prepare-se para concursos em 2019!

Inicie seus estudos!

Para concorrer ao cargo de agente penitenciário do Amazonas, é necessário ter o nível médio completo. O trabalho consiste em realizar serviços voltados à ordem e segurança nas dependências dos presídios, "vigiando os internos, atendendo às necessidades e zelando pela disciplina, para evitar irregularidades e perturbações internas". 

A carreira é dividida em três classes e, de acordo com elas, a remuneração pode alcançar até R$1.773,72, sem contar com possíveis gratificações, que são variáveis.

Prepare-se para o concurso Seap-AM

Com apoio do ministro Sergio Moro e necessidade de recompor o quadro de agentes penitenciários, o Governo do Amazonas planeja um novo concurso para a Seap-AM. Para se preparar para esta seleção, FOLHA DIRIGIDA separou algumas dicas. Confira! 

grupo no Telegram



ASSINE

Para ter acesso a este conteúdo, notícias e preparativos

ASSINAR


Comentários