Prefeitura de Santa Luzia-MG: sai edital para 313 vagas temporárias

A Prefeitura de Santa Luzia-MG está promovendo um processo seletivo para preenchimento de 313 vagas temporárias de níveis médio e superior.

A Prefeitura de Santa Luzia, no Estado de Minas Gerais, está promovendo um processo seletivo simplificado para provimento de 313 vagas temporárias. As oportunidades são para os níveis médio e superior.

As ofertas são para os cargos de profissional de apoio, monitor de creche, fonoaudiólogo, psicopedagogo e intérprete de libras. A remuneração varia de R$1.327,14R$ 3.970,38 e a carga horária é de 24h ou 40h semanais, de acordo com a função.

Os interessados podem se inscrever pelo site da Fundep, organizadora da seleção. O prazo de inscrição vai até as 21h do dia 24 de outubro e a taxa é de R$60 para os cargos de nível médio e R$80 para nível superior:

Para aqueles que não conseguem arcar com o pagamento do valor de inscrição, haverá possibilidade de isenção. Os pedidos podem ser feitos até as 23h59min de sexta-feira, 27, pelo site da organizadora. 

Prefeitura de Santa Luzia-MG promove seleção para ​​provimento de
313 vagas temporárias de níveis médio e superior (Foto: Divulgação)

Oportunidades são para níveis médio e superior

Para intérprete de libras serão oferecidas 8 vagas, sendo 1 destinada para pessoas com deficiência. A remuneração é de R$1.453,52 para uma carga de 24 horas semanais. Os requisitos são ensino médio completo com o curso de Libras (mínimo 300 horas) e formação em Intérprete de Libras (mínimo 60 horas).

O profissional de apoio, que atuará com trabalho escolar, é o cargo com maior número de vagas: 200, com uma reserva de 20 para PCDs. Para se candidatar é preciso estar cursando no mínimo o 4º período de licenciatura em pedagogia. Os ganhos são de R$1.327,14 para 24h semanais.

O monitor de creche precisa ter ensino médio, em nível de Magistério, para os anos iniciais do ensino fundamenta l ou para educação infantil ou estar cursando pelo menos o 4º período de licenciatura em pedagogia. Com carga horária de 40h, a remuneração é de R$1.776,74. Estão sendo ofertadas 100 vagas, sendo 10 destinadas às PCDs.

Quem tem graduação em Fonoaudiologia e registro ativo no Conselho da área pode disputar por uma das três vagas de fonoaudiólogo. A remuneração é de R$3.811,44 para 40h de trabalho por semana. Neste cargo não haverá reserva de vagas.

E o cargo com maior remuneração é o psicopedagogo, com ganhos de R$3.970,38 para 40h semanais. Serão duas vagas e para disputar é preciso ter graduação em Psicopedagogia.

Também poderão participar graduados em Pedagogia, Psicologia ou licenciatura em qualquer área da Educação, desde que tenham especialização, de no mínimo 360h, na área.

Seleção terá apenas uma etapa

O processo seletivo terá etapa única para todos os cargos, que é a prova objetiva de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório, prevista para o dia 24 de novembro.

O exame contará com número de questões diferentes de acordo com o nível do cargo, sendo 40 para médio e 50 para superior, divididas da seguinte maneira:

Disciplina Número de questões
Intérprete de libras, profissional de apoio e monitor de creche
Língua Portuguesa 10
Conhecimento Educação Especial e Inclusa 10
Conhecimento Didático Pedagógico 10
Conhecimentos Específicos  10
Fonoaudiólogo e psicopedagogo
Língua Portuguesa 10
Conhecimento Educação Especial e Inclusa 10
Conhecimento Didático Pedagógico 10
Conhecimentos Específicos  20

 

Comentários