Concurso PRF: diretor destaca presença feminina na corporação

O diretor-geral da PRF, Adriano Furtado, falou sobre a presença da mulher no quadro da Polícia Rodoviária Federal.

Neste domingo, 8, é comemorado o dia Internacional da Mulher. Mesmo a sua participação em concursos públicos tendo sido permitida há menos de 100 anos, a figura feminina tem se mostrado cada vez mais presente, principalmente no cenário da Segurança Pública.

A Polícia Rodoviária Federal é uma das corporações que contam com uma boa parte de efetivo preenchido pelo sexo feminino. E, o melhor, é que a PRF tem a política de realização das mesmas atividades para ambos os sexos, do início de carreira até um possível cargo de chefia.

Em entrevista concedida à TV Brasil, no início de fevereiro, o diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal, Adriano Furtado, foi questionado sobre como é a presença feminina no quadro da PRF. O chefe da corporação foi só elogios ao trabalho da mulher e exaltou a sua dinamicidade.

"Eu diria que as mulheres na Polícia Rodoviária Federal desenvolvem todas as atividades, seja as ações de atividades fim ou as atividades especializadas, motociclismo, controle de distúrbio, operações com aeronaves", destaca Furtado.

(Foto: Divulgação)
PRF teve as primeiras contratações de mulheres na década de 70
(Foto: Divulgação)

O diretor-geral comenta que a figura feminina na corporação agrega bastante em todas as funções e soma cada vez mais no trabalho da PRF. Adriano ainda relembra que a corporação teve a primeira contratação de cinco mulheres em 1978. 

"De lá para cá estamos ampliando e incentivando a presença feminina no nosso trabalho."

Furtado ainda pontua que as mulheres podem ocupar diversos cargos na instituição, até mesmo os de gestão. "Minha chefe de gabinete, por exemplo, é uma mulher", destaca o diretor-geral. Segundo ele, ela é uma profissional extremamente qualificada e tem uma grande contribuição dentro da polícia.

Ele cita, também, a nova superintendente regional do Estado do Sergipe, que tomou posse em 2019, além de chefes de delegacias e outras unidades.

"Elas estão em todas as áreas e contribuindo muito para o desenvolvimento de todas as atividades da PRF."

Em 2016, a Polícia Rodoviária Federal fez uma homenagem às mulheres com um vídeo institucional composto por depoimentos de servidoras da corporação. Confira!

Diretor-geral reconhece déficit e luta por novo concurso PRF

Na mesma entrevista, o diretor-geral comentou que considera o quadro da PRF insuficiente e luta pela realização de novos concursos. Furtado comentou que essa é uma busca constante da corporação e que pretende aprimorar o efetivo.

Além disso, há a previsão de realização de concursos anuais na PRF. Essa medida foi anunciada pelo presidente da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais, em outubro, quando o presidente da FenaPRF,  Deolindo Carniel, concedeu entrevista à própria corporação.

Segundo o representante da federação, a intenção seria realizar concursos com mil vagas a cada ano até 2022, término da gestão do atual presidente, Jair Bolsonaro. O objetivo seria preencher a carência e chegar ao número de 13.098 policiais rodoviários federais.

No entanto, essa medida permanece em promessa, pois não há uma confirmação de novo concurso, apenas um novo pedido protocolado na Economia e dependendo de aval do Governo. Carniel também destacou a importância da previsão orçamentária.

"Mil policiais a cada ano a partir de 2020. Mas, para nós é muito importante que conste na LDO, e é isso que estamos trabalhando nesse momento, que haja previsão para que se possa fazer concurso em 2020 para ingresso em 2021, 2022, 2023, assim sucessivamente."

Concurso PRF tem pedido com mais de 4 mil vagas

A Polícia Rodoviária Federal enviou um pedido para a realização de novo concurso ao Ministério da Economia. O documento prevê 4.435 vagas em cargos de policial rodoviário e agente administrativo, de níveis superior e médio, respectivamente.

Dessas, são 4.360 vagas para policial rodoviário federal, enquanto as demais 75 são destinadas a carreira de agente administrativo, de nível médio. O aval da pasta pode ser publicado a qualquer momento, no Diário Oficial da União, e dará o aval para o início dos preparativos.

PEDIDO DE CONCURSO PRF 2019

CARGO VAGAS REMUNERAÇÃO REQUISITOS
Policial 4.360 R$10.357,88 Nível superior em qualquer área, de 18 a 65 anos e CNH
Agente administrativo 75 R$4.022,77 Nível médio completo

O órgão conta com as seguintes lotações:

⇒  Sede, em Brasília
⇒  27 superintendências regionais
⇒  150 delegacias
⇒  413 unidades operacionais
⇒  Total de mais de 550 unidades em todo o país