Concurso PRF: como a chamada de aprovados no Orçamento pode ajudar?

O professor Fabrício Rubinstein fala sobre como a chamada de aprovados no concurso PRF pode resultar em novos concursos.

O atual déficit de pessoal da Polícia Rodoviária Federal evidencia a necessidade de um novo concurso PRF. Uma forma de amenizar essa situação será chamando aprovados da seleção anterior, conforme previsto no Orçamento de 2020. Mas como isso poderá ajudar na realização de novos concursos?

Professor e coordenador pedagógico da FOLHA DIRIGIDA, Fabrízio Rubinstein analisou como a previsão de chamada de aprovados na PRF, no Orçamento de 2020, pode impactar na possibilidade de novos concursos.

Na última semana, o texto final do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2020 foi aprovado no Congresso NacionalNele, fica autorizada a chamada de aprovados do concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF) que está em andamento.

O governo utiliza a LDO como base para a elaboração da proposta de Orçamento da União para o ano seguinte, nesse caso 2020. Foram apontadas as metas e principais prioridades da Administração Federal

Entretanto, além dos aprovados dentro das vagas iniciais e daquele quantitativo a mais autorizado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, a PRF poderá contar ainda com a chamada dos demais aprovados, completando toda a lista de remanescentes. 

Essa medida ajudaria e muito na luta contra o déficit de pessoal da corporação. É uma luta das categorias, com ciência da própria corporação. Mas, como isso pode impactar em novos concursos?

"Não há necessariamente um vículo direto entre uma coisa e outra. Mas, obviamente, que se a PRF está sendo contemplada com a chamada de aprovados e há uma carência e déficit de pessoal, isso pressiona o governo", analisa o professor.

ASSINANTES ACESSAM CONTEÚDO EXCLUSIVO PARA O CONCURSO PRF!
(Você precisa estar logado para conferir)

Assine e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida

Comentários