Folha Dirigida Entrar Assine

Concurso PRF: chamadas suprirão aposentadorias, mas não o déficit

A Polícia Rodoviária Federal conseguirá suprir as aposentadorias com a chamada de excedentes, mas permanecerá com grande déficit.

Após o presidente da República Jair Bolsonaro ter anunciado a chamada de mil excedentes no concurso PRF, a corporação conseguirá suprir as aposentadorias. O número é expressivo desde 2016. No entanto, a Polícia Rodoviária Federal seguirá com um déficit de quase 7 mil servidores e precisará de um novo edital.

Recentemente, a PRF divulgou que o efetivo de novembro de 2018 era de 10.029 servidores, quando o ideal seriam 18.424 na corporação. Sendo asim, totalizava, na época, carência de 8.395 profissionais, sendo tais vacâncias resultados de aposentadorias, mortes, exonerações, transferências, entre outros motivos.

De acordo com dados obtidos no Painel Estatístico de Pessoal (PEP) do Ministério da Economia, a Polícia Rodoviária Federal soma 1.204 aposentadorias desde 2016, quando foi expirada a valide do último concurso. O ano com mais saídas por esse motivo foi 2017, com 374 servidores se desligando. Até maio, 2019 já registrou 205 saídas.

No início de junho, porém, Bolsonaro anunciou que chamará mil excedentes. Dessa forma, a PRF terá 1.500 aprovados sendo convocados para o curso de formação rumo ao cargo. Mas essas chamadas suprirão apenas cerca de 18% do déficit.

A Polícia Rodoviária Federal continuará com 6.895 servidores a menos em seu quadro de pessoal, tendo em vista os dados de novembro passados pela PRF. Desta forma, a realização de um novo concurso é vista como essencial.

PRF envia pedido e aguarda ava da Economia para novo edital (Foto: Divulgação)
PRF envia pedido e aguarda ava da Economia para novo edital
(Foto: Divulgação)

PRF enviou pedido para mais de 4 mil vagas

A boa notícia nisso tudo é que a Polícia Rodoviária Federal confirmou o envio de um pedido de concurso ao Ministério da Economia. A corporação solicitou 4.435 vagas para cargos de policial rodoviário e agente administrativo.

Desse total, 4.360 vagas serão destinadas ao cargo policial rodoviário federal, enquanto que as demais 75 para a carreira de agente administrativo, de nível médio. A PRF agora aguardará pelo aval da pasta que pode ser publicado ainda este ano, a qualquer momento.

Com a chamada dos excedentes, o déficit da PRF diminuirá para 6.895. Embora o total de vagas pedidas para o novo concurso não seja capaz de cuprir toda a carência, já amenizaria o atual cenário da falta de servidores na corporação. 

PEDIDO DE CONCURSO PRF 2019

CARGO VAGAS REMUNERAÇÃO REQUISITOS
Policial 4.360 R$10.357,88 Nível superior em qualquer área, de 18 a 65 anos e CNH
Agente administrativo 75 R$4.022,77 Nível médio completo


Em fala recente, o diretor-geral da PRF, Adriano Furtado, pontuou que em sua gestão a realização de concursos ganhará ainda mais força. O objetivo do chefe da corporação é lutar por concursos anuais. Em janeiro, ele esteve com representantes sindicais da carreira e foi receptivo às pautas propostas pela entidade.

Presidente da FenaPRF, Deolindo Carniel destacou a importância de aumentar o número de policiais para reforçar o quadro da instituição. Ele pediu que o diretor-geral lutasse junto ao governo para que sejam realizados concursos frequentes com o intuito de amenizar o déficit da corporação.

As prioridades do governo de Jair Bolsonaro podem ajudá-lo. Recentemente, o chefe do Executivo Federal disse que a PRF, a exemplo da PF, será exceção na política de contenção de gastos que restringe concursos públicos. A declaração de Bolsonaro mostra que uma autorização para novo concurso na PRF pode acontecer em breve.

Concursos federais 2019: veja órgãos que pediram editais

O último concurso ainda está em andamento. Na última terça-feira, 2, foi publicado o resultado provisório da etapa de avaliação psicológica. Os aprovados no exame pscicológico serão convocados para a próxima etapa, a prova de títulos.

O órgão conta com as seguintes lotações:

⇒  Sede, em Brasília
⇒  27 superintendências regionais
⇒  150 delegacias
⇒  413 unidades operacionais
⇒  Total de mais de 550 unidades em todo o país   



Comentários