Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Após quase um mês, concurso PRF volta a tramitar no Planejamento

Após quase um mês, concurso PRF volta a tramitar no Planejamento

O pedido de concurso da PRF teve nove avanços no Ministério do Planejamento na terça-feira, 10. A portaria é aguardada com expectativa.

pedido de concurso da PRD tem novas movimentações (Foto: Divulgação/PRF)
Pedido de concurso da PRF tem novas movimentações
no Planejamento (Foto: Divulgação/PRF)

O pedido do concurso PRF voltou a ter movimentações no Ministério do Planejamento. Na última terça-feira, 10, foram registrados nove avanços em diversas unidades, como gabinete e secretaria de Gestão de Pessoas.

Tudo leva a crer que os esforços para o aumento do número de vagas estão sendo analisados pela pasta. A previsão inicial era que o aval fosse publicado até o mês de junho, o que não aconteceu. Por isso, a portaria segue sem data exata para publicação.

Procurada por FOLHA DIRIGIDA, a Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF) informou que ainda luta para conseguir uma reunião com a Presidência da República e sensibilizá-la quanto ao aumento desse quantitativo no concurso PRF.

Policial rodoviário fala sobre déficit e carreira Assista ao Estúdio Livre

Extraoficialmente, estão autorizadas 500 vagas para policial rodoviário federal, mas a intenção da FenaPRF e da corporação é realizar um concurso com, no mínimo, mil vagas.

O presidente interino da federação, Dovercino Neto, informou que a FenaPRF corre para conseguir a última tentativa de solicitar o aumento das vagas o mais rápido possível. Isso porque todos os prazos e previsões já foram expirados.

Efetivo da PRF é discutido em comemoração no Senado

Na terça-feira, 3, diversos parlamentares e representantes da Polícia Rodoviária Federal estiveram reunidos em um evento de comemoração aos 90 anos da corporação. Entre os temas estavam a recomposição do efetivo e o aumento do número de vagas no concurso PRF.

Estiveram presentes o ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República Carlos Marun, e o diretor-geral da PRF, Renato Dias. O chefe da corporação alertou que o grande gargalo da PRF hoje é a situação de pessoal. A demanda da corporação ultrapassa o número de servidores.

"A nossa PRF tem sido reconhecida, haja vista o acréscimo orçamentário conseguido para este ano. Conseguimos melhores condições de trabalho para o nosso efetivo. A principal conquista da PRF não é posto novo, viaturas novas, equipamentos modernos, mas sim, os recursos humanos. Nós temos servidores dedicados e comprometidos com a missão da polícia rodoviária federal, e isso não tem preço”, disse o diretor-geral.

Senador cobra a recomposição do efetivo da PRF

Peça importante nessa luta pela realização do concurso PRF, o senador José Medeiros também esteve presentes na cerimônia realizada no no plenário Ulysses Guimarães, na Câmara dos Deputados, em Brasília. Ele comenta que a relevância da PRF é muito grande e necessita de reforços em seu quadro de pessoal.

"Mesmo com a imensidão do país, o cidadão sente-se protegido com a presença da Polícia Rodoviária Federal. Precisamos recompor o efetivo da PRF e dar à sociedade aquilo que ela merece: uma polícia cada vez mais presente."

Escolha da banca e publicação do edital só dependem da portaria

A boa notícia para os candidatos que aguardam o concurso PRF é que a publicação do edital deve acontecer logo assim que a portaria for divulgada. Isso porque a corporação se adiantou e começou a elaborar o documento antes mesmo do aval. Com o atraso, a elaboração do edital está praticamenta concluída e só depende de ajustes finais.

Outro avanço que depende da portaria é a escolha da banca. A PRF já informou que contatou as empresas, recebeu propostas e já começou a tocar o processo licitatório. No entanto, a sua conclusão depende da publicação da portaria com a confirmação do número de vagas exato.

Antes otimista para uma publicação até junho, como previsto pelo ministro Raul Jungmann, a PRF informou que torce para que o edital saia o quanto antes. Isso deve acontecer no início do segundo semestre. A corporação, por sua vez, não estima um novo prazo já que tudo depende do aval oficial.

botao-quero-estudar-ainda-mais-para-prf.png

O que precisa ter para concorrer?

Requisitos ⇒ o candidato precisará ter de 18 a 65 anos de idade. Podem concorrer homens e mulheres e a escolaridade exigida é o ensino superior completo, em qualquer área de formação. A PRF exige ainda que o candidato tenha carteira de habilitação, na categoria B ou superior.

Remuneração ⇒ a remuneração inicial do cargo de policial rodoviário federal é de R$9.931,57 em 2018 e passará para R$10.357,88 em 2019. Os valores já incluem o auxílio-alimentação, que atualmente é de R$458.

O órgão conta com as seguintes lotações:

  Sede, em Brasília
  27 superintendências regionais
  150 delegacias
  413 unidades operacionais
  Total de mais de 550 unidades em todo o país

Acesse outros editais da PRF

Treine para o concurso PRF em simulado especial

À procura de provas anteriores da PRF?



ASSINE

Para ter acesso a este conteúdo, notícias e preparativos

ASSINAR



Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações