SME-Rio homologa concurso para PEF - diversas modalidades

SME-Rio publica resultado final e homologação do concurso para professor de ensino fundamental - Língua Portuguesa, História e Ciências.

Saiu a homologação do concurso SME-Rio para os cargos de professor de ensino fundamental nas modalidades de Língua Portuguesa, História e Ciências. A publicação foi realizada nesta terça-feira, 14, no Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro (DOM-Rio). 

>> Acesse a homologação <<

O resultado final da seleção foi divulgado na última sexta, dia 10. No entanto, o resultado para a 4ª Coordenadoria Geral de Educação (CRE) referente a especialidade de Ciências foi republicado nesta terça. 

O documento está organizado de acordo com a CRE dos candidatos, por ordem de classificação, nome e notas das avaliações. Confira:

>> Acesse o resultado final <<

Com o concurso homologado, a SME-Rio poderá começar a convocar os candidatos classificados. Para o ato da posse dos futuros professores, ainda será publicado documento específico. 

De acordo com o edital de abertura, na ocasião serão requeridos os seguintes documentos:

  • Carteira de Identidade;
  • CPF;
  • Comprovante da habilitação (qualificação exigida) para exercer o cargo;
  • Currículo;
  • PIS ou PASEP;
  • Duas fotos 3x4 (iguais), coloridas, recentes e de frente;
  • Original da Carteira de Trabalho;
  • Titulo de Eleitor, com o respectivo comprovante de votação da última eleição;
  • Certificado de Reservista, se do sexo masculino;
  • Certidão de Casamento (se casado) ou da Certidão de Nascimento (se solteiro);
  • Cópia da Certidão de Nascimento dos filhos menores 21 anos;
  • Cópia do comprovante de residência (conta de luz, gás, água ou telefone convencional), emitido há no máximo 60 dias, onde conste seu endereço completo, inclusive o Código de Endereçamento Postal – CEP;
  • Carta de Naturalização se estrangeiro naturalizado (original e cópia);
  • Caso exista dependente por força de ação judicial: apresentar Termo de Curatela (original e cópia) ou Termo de Guarda e Posse em caso de adoção (original e cópia).

Se na ocasião da posse o candidato já for ocupante de outro cargo ou emprego público, nas esferas Municipal, Estadual ou Federal, após a devida aprovação na perícia médica, deverá comparecer na Gerência de Admissão e Acumulação da Coordenadoria Técnica de Concursos, Admissão e Acumulação da CGRH da Subsecretaria de Serviços Compartilhados da Secretaria Municipal da Casa Civil, com o contracheque para regularizar esta situação funcional.

Caso o cargo seja inacumulável, apresentar o protocolo de exoneração ou rescisão do contrato de trabalho.

Prepare-se para concursos

Concurso SME-Rio terá convocações imediatas

De acordo com a coordenadora de Recursos Humanos da SME-Rio, Daniele Moreira Pereira, as convocações do concurso SME-Rio serão imediatas. 

A SME-Rio também não descarta a possibilidade de convocação de mais aprovados, além das 351 vagas oferecidas. Porém, a princípio, deve ser respeitado o número de oportunidades constante no edital.

“É possível que sim, desde que haja real necessidade, devendo ser respeitado, para tanto, o prazo de vigência do concurso”, disse Daniele.

Daniele também informou, em entrevista à FOLHA DIRIGIDA, que os profissionais ainda terão direito a um benefício alimentação. Além disso, poderão optar pela adesão ao Plano de Saúde dos Servidores Municipais (PSSM).

SME-Rio tem concurso para PEF homologado
(Foto: Pixabay)

A remuneração para os professores, em qualquer uma das áreas, é de R$6.073,29. O valor é composto por bônus-cultura, de R$182,18 e o auxílio-transporte, de R$178,20.

A jornada de trabalho dos servidores será de 40 horas por semana. O regime de contratação é o estatutário, que garante estabilidade empregatícia ao servidor. Já as classificações finais de ambas as seleções estão agendadas para janeiro de 2020.

SME-Rio realiza outro concurso para PEF

Em 2019 foram publicados editais para o concurso SME-Rio para o cargo de, a seleção contou com 210 oportunidades para professor de ensino fundamental — Anos Iniciais e 141 para as especialidades de Língua Portuguesa, História e Ciências. 

O primeiro concurso citado distribuiu as vagas de acordo com as Coordenadorias Regionais de Educação (CREs) da seguinte maneira:

CRE Bairros de abrangência Vagas
Praça Mauá, Gamboa, Santo Cristo, Caju, Centro, Cidade Nova, Bairro de Fátima, Estácio, Santa Teresa, Rio Comprido, São Cristóvão, Catumbi, Mangueira, Benfica e Paquetá 15
Glória, Flamengo, Laranjeiras, Catete, Urca, Cosme Velho, Botafogo, Humaitá, Praia Vermelha, Leme, Copacabana, lpanema, São Conrado, Rocinha, Vidigal, Gávea, Leblon, Jardim Botânico, Horto, Alto da Boa Vista, Tijuca, Praça da Bandeira, Vila Isabel, Andaraí e Grajaú 15
Guadalupe, Deodoro, Padre Miguel, Bangu, Senador Camará, Jabour, Santíssimo, Guilherme da Silveira, Vila Kennedy, Vila Militar, Jardim Sulacap, Magalhães Bastos e Realengo 60
lnhoaíba, Campo Grande, Cosmos, Santíssimo, Augusto Vasconcelos e Benjamin Dumont 60
10° Santa Cruz, Paciência, Cosmos, São Fernando, Guaratiba, Ilha de Guaratiba, Barra de Guaratiba, Pedra de Guaratiba, Sepetiba e Jardim Maravilha 60

Concursos SME-Rio de 2016 convoca professores para posse

Nesta semana, dois concursos da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro, realizados em 2016, convocaram os candidatos classificados para tomada de posse. 

As publicações foram feitas por meio do Diário Oficial do Município na segunda-feira, 13. O resultado final, bem como a relação de professores classificados estão organizado conforme Coordenadoria Regional de Educação (CRE). Saiba mais:

+ Concursos SME-Rio: saem convocações para posses de professores