São João da Barra-RJ retoma preparativos para o concurso

A Prefeitura de São João da Barra retoma os preparativos para o concurso. Pregão para escolha de banca está marcado para o fim do mês.

A Prefeitura de São João da Barra, a 317 km da capital do Rio de Janeiro, divulgou nesta segunda-feira, dia 18, um aviso de licitação para contratação da organizadora de seu próximo concurso. A informação do publicada no Diário Oficial do Estado.

O aviso informa que o concurso visará ao provimento de diversos cargos efetivos da prefeitura. A modalidade escolhida foi pregão presencial, marcado para o dia 28 de janeiro, às 10h.

Segundo o departamento de licitação da prefeitura, ainda nesta segunda será publicado o edital de licitação, onde constará o projeto básico do concurso. O projeto básico reúne algumas informações sobre a seleção, como quantitativo de vagas e cargos.

Em 2018 a prefeitura já havia escolhido a organizadora do concurso, seria o Instituto de Avaliação Nacional (IAN). No entanto, a Prefeitura de São João da Barra revogou a licitação para realizar uma adequação do quadro de cargos divulgados no projeto básico. A previsão era de que um novo processo para a escolha da organizadora fosse realizado ainda em 2018, mas acabou sendo adiado.

Novo projeto básico trará quadro de vagas reestruturado
(Foto: Prefeitura de São João da Barra-RJ)

Concurso deverá ter vagas para níveis médio e superior

O concurso para Prefeitura de São João da Barra ofereceria, inicialmente, 34 vagas. As oportunidades eram para cargos de níveis médio e superior, isso de acordo com o primeiro projeto básico, divulgado em 2017. Os salários oferecidos variavam de R$1.609 a R$3.456,20, dependendo do cargo. Inicie os estudos para concursos

Para nível médio as vagas estavam dividas entre os cargos de agente de fiscalização (seis vagas), agente de tributos (cinco) e agente fiscal de obras (quatro).

Já para o nível superior, as oportunidades eram para as funções de engenheiro de trânsito (uma), auditor fiscal de obras (uma), auditor fiscal de tributos (cinco), auditor fiscal de vigilância sanitária (duas), auditor fiscal do meio ambiente (cinco), auditor fiscal de inspeção sanitária (duas), engenheiro civil (uma) e contador (duas).

A expectativa é que essas vagas sejam confirmados no novo projeto básico. Segundo o antigo documento, o concurso seria realizado em duas etapas:  provas objetivas e avaliação de títulos (apenas para nível superior). A prova objetiva seria dividida entre questões de Conhecimentos Básicos e Específicos.

O concurso teria validade de dois anos, a partir de sua data de homologação. O período poderia ser prorrogado por igual período, a critério da prefeitura. 

O seu estudo para concurso precisa começar agora! 

ASSINE

Para ter acesso a este conteúdo, notícias e preparativos

ASSINAR


Comentários