Concurso Santa Cruz do Sul-RS: saem editais com mais de 340 vagas

A Prefeitura de Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul, publicou editais de concurso com vagas para cargos de todos os níveis.

A Prefeitura de Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul, divulgou nesta terça-feira, dia 3, os editais do concurso público que contempla diversos cargos. Foram publicados quatro editais, que juntos somam 345 vagas. As remunerações podem chegar a R$8.465,91.

Do total de vagas do concurso Santa Cruz do Sul, 310 são para provimento imediato e 35 para formação de cadastro de reserva. As oportunidades estão distribuídas por funções de todos os níveis de escolaridade.

O primeiro edital apresenta a oferta de vagas para o cargo de guarda municipal. O requisito para candidatura na função é ensino médio completo e carteira de habilitação na categoria A/B.

A remuneração para o cargo é de R$2.532,06. O valor conta com o um adicional de 42% sobre o vencimento básico. A carga de trabalho é de 44 horas semanais.

O segundo edital listou todas as oportunidades para cargos que terão a prova prática como uma das etapas de seleção. Neste caso, as remunerações podem variar de R$1.278,25 a R$3.460,11, dependendo da função.

Para o nível fundamental há chances para borracheiro, calceteiro, carpinteiro, eletricista, eletricista automotivo, marceneiro, operário, pedreiro, pintor, operador, servente, operador de máquinas, motorista e soldador.

Para o nível médio as vagas são para os cargos de atendente de EMEI, auxiliar de escola, auxiliar de saúde bucal, auxiliar de disciplina, educador ambiental, educador, fiscal, fiscal de trânsito e instalador hidráulico. 

Também haverá vagas para técnicos em Construção Civil (Edificações) e Enfermagem. No nível superior a chance é para pedagogos.

Invista na sua preparação para concursos públicos

Concurso contará com diversas vagas para médicos

No terceiro edital constam as vagas para cargos que não passarão por prova prática. Para o nível fundamental a oferta é para a função de coveiro. 

No nível médio são contemplados os cargos de agente administrativo, agente municipal de inspeção sanitária, almoxarife, atendente de farmácia, auxiliar em veterinária, caixa, desenhista, laboratorista de solos e asfalto, operador de estação de água e esgoto e  telefonista.

Além dessas são oferecidas vagas de nível técnico para as áreas Agrícola; Geoprocessamento; Saúde Bucal; Estradas e Topografia; e Suporte de Informática.

No nível superior as vagas foram distribuídas pelos cargos de advogado, analista e desenvolvedor de sistemas, arquiteto, arquivista, assessor administrativo, assessor de comunicação, assistente social, auditor fiscal da receita e biólogo.

E ainda: cirurgião dentista, contador, educador físico, enfermeiro, engenheiro civil, engenheiro de meio ambiente, farmacêutico, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, geólogo, jornalista, médico veterinário, nutricionista e médicos em diversas áreas.

As vagas de médio estão distribuídas por diversas especialidades, entre elas: auditor, autorizador, médico da saúde e da família, clínico geral, endocrinologista, ginecologista/obstetra, infectologista, pediatra, psiquiatra, reumatologista, sanitarista e traumatologista.

Para esses profissionais a remuneração também vai variar de acordo com o cargo. O valor pode chegar a R$8.465,91, dependendo da função.

Por fim, o quarto edital é específico para a função de procurador municipal. A função exige graduação em Direito. A remuneração é de R$ 6.908,17, para uma carga de 40 horas de trabalho semanais.

Baixe os editais do concurso

Inscrições iniciam no próximo dia 5 de dezembro

As inscrições podem ser feitas até 5 de dezembro, no site da Consulpam, organizadora. Os interessados terão até o dia 5 de janeiro para se candidatar.

Para formalizar a candidatura é preciso efetuar o pagamento de uma taxa de inscrição. O valor é de R$60, para o nível fundamental; R$92, para o nível médio; R$95, para o técnico e R$130, para o superior.

Doadores de medula óssea poderão solicitar isenção do pagamento da taxa. Os pedidos deverão ser feitos entre os dias 5 e 6 de dezembro.

+ Como fazer concurso público: passo a passo

Candidatos fazendo provas
Provas objetivas do concurso serão aplicadas em duas datas (Foto: Divulgação)

Candidatos passarão por diversas etapas, dependendo do cargo

A prova objetiva do concurso será realizada em duas datas, nos dias 15 e 16 de fevereiro. A avaliação terá caráter eliminatório e classificatório. O conteúdo cobrado variará de acordo com o cargo e nível de escolaridade do candidato.

Os candidatos às vagas de nível fundamental responderão questões de Língua Portuguesa e Legislação Municipal. Para os níveis médio, técnico e superior, a prova será composta por itens de Língua Portuguesa, Legislação Municipal, Informática e Conhecimentos Específicos. Alguns candidatos ainda responderão itens de Matemática.

A prova para o cargo de procurador municipal será um pouco diferenciada. Esses candidatos responderão itens de: Língua Portuguesa, Legislação Municipal, Direito Processual Civil, Direito Civil, Direito Tributário, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Trabalho e Direito Processual do Trabalho.

Para os concorrentes às vagas da guarda municipal ainda serão realizadas etapas de prova física, avaliação psicológica e o curso de formação. Além da prova prática, os inscritos nas vagas de fiscal de trânsito, operário e servente, também serão submetidos a testes físicos.

Haverá uma etapa de avaliação psicológica para as funções de auxiliar de disciplina, auxiliar de escola, auxiliar de saúde bucal, atendente de Emei, educador ambiental, educador/cuidador, fiscal, fiscal de trânsito, pedagogo e técnico em Enfermagem. Para os cargos de carpinteiro, eletricista, instalador hidráulico, motorista, operador de máquinas, operário, pedreiro, pintor, soldador, técnico em Construção Civil – Edificações será aplicada uma avaliação psicossocial.

Os inscritos nas vagas de orientador educacional, professor, psicopedagogo, supervisor escolar e procurador passarão por uma etapa de avaliação de títulos.

A validade do concurso será de dois anos, contados a partir de sua data de homologação. O período ainda poderá ser prorrogado, uma vez, por igual período.

Comentários