Concurso Conceição de Macabu-RJ define banca. Edital nos próximos dias

Prefeitura de Conceição de Macabu, no Rio de Janeiro, escolhe banca de concurso público para 292 vagas em todos os níveis de escolaridade.

A Prefeitura de Conceição de Macabu, no Rio de Janeiro, já escolheu a banca que vai realizar o próximo concurso público do município, que também terá vagas para a Câmara e para o Instituto de Previdência (Ipascon). O edital com cerca de 292 vagas será publicado nos próximos dias. 

As informações foram divulgadas pelo próprio Executivo, em comunicado no site oficial da prefeitura. O pregão para escolha da organizadora foi concluído na segunda-feira, 4, mas o nome da empresa vencedora ainda não foi divulgado.

Conforme consta em ata da licitação, as empresas que concorreram foram: Gualimp, INCP, IBDO - Instituto Brasileiro de Incentivo ao Desenvolvimento Organizacional Eireli, Instituto Consulpam e Seleta Concursos. 

Comunicado da Prefeitura de Conceição de Macabu-RJ
(Foto: Reprodução/ Prefeitura de Conceição de Macabu)

Com a empresa escolhida, a próxima etapa deverá ser a assinatura do contrato. Ambas as partes deverão acertar os últimos detalhes da seleção nos próximos dias, como cronograma do edital e programas de provas. 

Segundo projeto básico divulgado pela prefeitura, são previstas 284 vagas só para o quadro do Executivo, além de cinco vagas para a Câmara Municipal e três para o Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores Municipais (Ipascon). As oportunidades contemplarão todos os níveis de escolaridade. 

Já conhece o novo programa da FOLHA DIRIGIDA: o Giro FD? Confira! ♦

Iniciais do concurso poderão chegar a R$7 mil

Das 292 vagas previstas para o concurso de Conceição de Macabu, cinco deverão ser destinadas à lotação no quadro da Câmara Municipal: quatro de auxiliar legislativo e uma de auxiliar de serviços gerais.

Segundo consta no termo de referência, ambas as carreiras exigem o nível fundamental. Mas, a câmara informa em nota no seu site que para auxiliares a escolaridade mínima é o nível médio. 

O salário inicial do Legislativo é de R$1.900, já incluindo o vale-alimentação de R$200 e a gratificação por assiduidade. Após três anos de exercício, o servidor ainda recebe 10% sobre seus vencimentos, e nos demais períodos acréscimos de 5%.

Para o Ipascon serão concorridas três vagas, uma em cada um dos cargos recentemente criados para a entidade: auxiliar administrativo (nível fundamental), servente (nível fundamental) e agente administrativo. Os vencimentos chegam a R$1.190, além de vale-alimentação no valor de R$200, totalizando R$1.390.

As outras 284 vagas previstas para o quadro da Prefeitura são distribuídas entre diversas carreiras nos níveis fundamental, médio e superior, conforme tabela a seguir. Os iniciais vão de R$1.010 a R$5.135, podendo chegar a aproximadamente R$7 mil com os adicionais, dependendo da carreira.

Escolaridade Cargo Nº de vagas
NÍVEL FUNDAMENTAL Auxiliar de serviços gerais (servente, bombeiro hidráulico, calceteiro, carpinteiro, coveiro, lavadeira, pedreiro, pintor, telefonista, copa e cozinha, trabalhador braçal e maqueiro) 62
Auxiliar administrativo 2
Auxiliar de creche 10
Eletricista 2
Mecânico 1
Merendeira 5
Motorista 5
Operador de máquinas 3
Servente de obras 4
Soldador 1
NÍVEL MÉDIO Almoxarife 1
Agente administrativo 5
Agente de defesa civil 4
Auxiliar de saúde bucal 2
Auxiliar de secretaria 4
Cuidador 15
Fiscais de: meio ambiente, posturas, transporte coletivo e vigilância sanitária 6
Guarda Municipal 10
NÍVEL TÉCNICO Técnico de enfermagem 10
Técnico de laboratório 2
Técnico em radiologia 4
Técnico em imobilização ortopédica 5
Professor (especialidades)* 7
Agente comunitário de saúde 2
Agente de combate à endemias 1
NÍVEL SUPERIOR Médico (várias especialidades)* 53
Assistente Social 7
Enfermeiro 8
Odontólogo 1
Professor (várias especialidades)* 17
Farmacêutico 3
Fisioterapeuta 1
Veterinário 1
Nutricionista 1
Psicólogo 3
Psicopedagogo 1
Terapeuta ocupacional 1
Procurador 4
Biólogo 1
Contador 1
Engenheiro civil 1
Jornalista 1
Engenheiro ambiental 1
Arquivista 1
Fiscal de rendas 2

* A relação completa de especialidades dos cargos pode ser consultada no projeto básico do concurso

O concurso de Conceição de Macabu contará com reserva de vagas para pessoas com deficiência, bem como para aqueles que se declararem negros e índios, conforme a legislação municipal. 

Concurso terá três etapas de avaliação

Ainda segundo informações que constam no projeto básico (termo de referência) do concurso, o processo de seleção dos candidatos será composto por três etapas:

  • prova objetiva para todos os cargos;
  • teste de aptidão física para agente de defesa civil, guarda municipal, agente comunitário de saúde e agente de combate à endemias; e 
  • prova práticas para motorista, operador de máquinas e equipamentos, e auxiliar de serviços gerais na função de trabalhador braçal. 

Todas as etapas deverão ser realizadas no próprio município de Conceição de Macabu. Em nota divulgada em seu site oficial, a Câmara de Vereadores orienta os futuros candidatos a estudarem o Regimento Interno da Casa de Leis, Lei Orgânica e Estatuto do Servidor Público.

As provas e programas do último concurso do município, realizado em 2014, também podem ser referência de preparação. A seleção foi organizada pela Magnus Concursos. 

No exame de múltipla escolha os candidatos tiveram que responder a 40 questões, sendo dez de Português, dez de Matemática (exceto para nível superior), dez de Conhecimentos Gerais e dez de Conhecimentos Específicos. Para ser aprovado foi preciso alcançar 50% dos pontos.

Assine a Folha Dirigida e turbine os estudos

Prefeitura quer convocar aprovados o mais rápido possível

Em setembro, a Primeira Dama e Secretária de Governo, Adriana Linhares, havia anunciado a intenção de realizar o concurso público ainda em 2019, para contratar os aprovados o mais rápido possível. O motivo são as restrições devido ao período eleitoral em 2020. 

. Como funcionam os concursos municipais em ano eleitoral? Entenda!

“Nossa previsão é que o Concurso seja realizado até o fim deste ano, para que os aprovados sejam convocados o mais breve possível, principalmente devido às restrições que teremos em 2020 por conta do processo eleitoral.”

O comunicado foi feito em reunião com os vereadores, na qual Linhares apresentou o quadro do número de vagas a serem ofertadas no concurso. A seleção, vale destacar, é resultado de uma Ação Civil Pública foi ajuizada pelo do Ministério Público do Rio (MP-RJ) pedindo, entre outras coisas, a contratação de efetivo para o Sistema de Saúde municipal. 

A ACP, ajuizada no dia 26 de junho com pedido de tutela de urgência, prevê a reposição de  cargos de médicos, de profissionais de saúde e de auxiliares administrativos que estão vagos, bem como a nomeação e posse dos aprovados.

Comentários