Concurso Porto Alegre-RS: banca anuncia edital para a Educação

A banca organizadora do concurso Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, foi definida e já anunciou o edital da seleção, que pode sair este ano.

O concurso Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, está perto de ser divulgado. Isso porque a banca organizadora definida já anunciou o edital da seleção para a Secretaria de Educação. Em seu site, a Fundação La Salle informou que o documento será publicado "em breve".

A banca também confirma que o concurso Porto Alegre-RS será para o magistério. As escolaridades dos cargos e as remunerações ainda não foram reveladas.

No entanto, na última seleção para a Educação, em 2018, as carreiras de professor de educação infantil e anos iniciais tiveram como requisitos licenciatura (em Pedagogia, Educação Infantil ou Séries Iniciais) e ainda nível médio ou superior na modalidade Normal, conforme o cargo. Já o salário inicial era de R$1.463,61.

Concurso Porto Alegre é anunciado (Foto: Divulgação)
Banca anuncia concurso Porto Alegre-RS para a Educação
(Foto: Divulgação)

 

No início deste mês de novembro, os nomes dos integrantes da comissão organizadora do concurso foram publicados no Diário Oficial do Município. A equipe é responsável pelas etapas de elaboração e realização da seleção.

A portaria que designa a comissão também confirma que o concurso será para os cargos de professor nas especialidades de educação infantil e anos iniciais do ensino fundamental.

Último concurso Porto Alegre-RS teve três etapas

O último concurso Porto Alegre-RS, para a Secretaria de Educação, ocorreu em 2018. O edital contou com apenas duas vagas imediatas mais formação para cadastro de reserva.

Das oportunidades, uma foi para professor de educação infantil e uma para professor dos anos iniciais. A jornada de trabalho, em ambos os casos, foi de 20 horas. As remunerações iniciais foram de R$1.463,61. No entanto, esse valor poderia variar conforme as especialidades, como:

R$1.463,61 Habilitação de nível médio (magistério), com complementação pedagógica (estágio)
R$1.682,93 Habilitação de nível médio (magistério), com complementação pedagógica (estágio) e mais um ano de estudos adicionais
R$1.972,30 Habilitação de nível superior em nível de graduação representada por licenciatura de curta duração
R$2.264,31 Habilitação de nível superior em nível de graduação representada por licenciatura plena
R$2.658,48 Habilitação de nível superior em nível de graduação representada por licenciatura plena complementada por curso de pós-graduação em nível de: especialização com, no mínimo, 360 horas/aula, mestrado ou doutorado

 

O último concurso também teve a Fundação La Salle como banca organizadora. Desta forma, o edital de 2018 pode ser usado como base para os estudos. Na época, os candidatos realizaram provas objetivas, discursiva (redação) e de títulos. A primeira etapa contou com 100 questões de múltipla escolha.

Assine a FOLHA DIRIGIDA

A prova contou com 40 perguntas de Conhecimentos Específicos, 15 de Língua Portuguesa, dez de Base Nacional Comum e Plano Nacional de Educação, dez de Legislação, dez de Raciocínio Lógico e 15 de Atualidades de História e Geografia do Brasil.

Os concorrentes ainda tiveram que elaborar, no mesmo dia, uma redação. Os habilitados foram convocados para a análise de títulos. O concurso está válido por dois anos, com possibilidade de prorrogação por igual período.

Comentários