Folha Dirigida Entrar Assine

Concurso PC-RN: delegada anuncia 307 vagas e confirma edital este ano

Em vídeo, a delegada-geral da Polícia Civil do Rio Grande do Norte, Ana Cláudia Saraiva, anuncia edital de concurso este ano com 307 vagas.

A delegada-geral da Polícia Civil do Rio Grande do Norte, Ana Cláudia Saraiva, reforçou que o edital do concurso PC-RN será publicado este ano. Em vídeo, ela ainda anuncia a oferta de 307 vagas, número superior ao que havia sido divulgado anteriormente. 

De acordo com Ana Cláudia, a carreira de agente contará com 240 vagas, cinco a mais que o esperado. O vídeo foi divulgado pela Associação dos Delegados de Polícia Civil-RN (Adepol-RN) nesta quinta-feira, 1º. 

‘Vamos realizar o concurso PC-RN na nossa gestão’, diz governadora

Na publicação, o grupo informa que a previsão é que o edital saia até novembro. A Secretaria de Administração do estado (Sead-RN) já havia informado à reportagem da FOLHA DIRIGIDA, no início de julho, que a previsão de abertura é até outubro. 

Até o fechamento desta matéria as instituições não se manifestaram sobre a contradição nos prazos. Apesar disso, é certo que abertura do concurso ocorrerá ainda em 2019. A banca organizadora deverá ser escolhida até setembro, conforme prevê planejamento do comissão.

Concurso PC-RN será para cargos de nível superior

O edital do concurso Polícia Civil-RN, além de agente, contemplarão as carreiras de delegado e escrivão. As três exigem formação completa de nível superior. Confira a distribuição:

⇒ Delegado - 41 vagas
⇒ Escrivão - 26
⇒ Agente de Polícia - 240

Para delegado a remuneração inicial é de R$12.303,27, valor que pode chegar até R$18 mil com as progressões. Já para agente e escrivão, que possuem ganhos iguais, o valor inicial é de R$3.022,11 podendo alcançar R$6.266,65 no topo das carreiras.

O último concurso público realizado pela Polícia Civil-RN foi aberto em 2008. Na ocasião, o edital contava com 438 vagas, das quais 107 eram para escrivão, 263 para agentes de polícia e 68 para a carreira de delegado. A organização ficou por conta do Cebraspe (antigo Cespe/UnB).

Os candidatos foram avaliados por meio de provas objetivas e discursivas abrangendo Conhecimentos Básicos e Específicos. Os aprovados foram convocados para as próximas etapas: avaliação física para o cargo de delegado, prova prática para escrivão; psicotécnico e o curso de formação. 

⇔ Provas para Download ⇔

Polícia Civil-RN tem déficit de 26% do efetivo

De acordo com o presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado (Sinpol-RN), Nilton Arruda, a Polícia Civil do Rio Grande do Norte tem déficit de mais de 3 mil policiais. m nota divulgada no site do grupo, ele informa que 

o número atual de policiais civis é de 1.383. No entanto, a Lei Complementar nº 417/2010, que determina o quantitativo da Polícia Civil-RN, estabelece que sejam 5.150. Deste modo, a instituição trabalha com apenas 26% do que é considerado ideal. O déficit abrange os cargos de delegado, escrivão e agente.

O Sinpol-RN tem criticado a demora para realizar a seleção. Após seis meses de início do novo governo, Arruda afirma que a situação da Polícia Civil-RN está contribuindo para os índices de criminalidade no Estado. O presidente do sindicato também lembra que mais de 400 policiais reúnem condições para se aposentar nos próximos anos.

À espera de concurso, Polícia Civil-RN tem 26% do efetivo necessário



ASSINE

Para ter acesso a este conteúdo, notícias e preparativos

ASSINAR


Comentários