Folha Dirigida Entrar Assine

Saiu concurso para delegado. Inicial de R$13.831

Após meses de expectativa foi divulgado o edital do concurso para 26 vagas imediatas, sendo três destinadas à afrodescentendes, de delegado da Polícia Civil do Paraná (PC-PR). A remuneração inicial é de R$13.831, podendo chegar a R$21.615 ao longo da carreira.

Após meses de expectativa foi divulgado o edital do concurso para 26 vagas imediatas, sendo três destinadas à afrodescentendes, de delegado da Polícia Civil do Paraná (PC-PR). A remuneração inicial é de R$13.831, podendo chegar a R$21.615 ao longo da carreira. Há também formação de cadastro de reserva para ser usado durante a validade do concurso,de dois anos, podendo prorrogar por igual período.

Para concorrer ao cargo, é necessário ser bacharel em Direito, ter no mínimo 21 anos, estar quite com as obrigações eleitorais, não registrar antecedentes criminais e não responder a processo penal ou administrativo, ou inquérito policial que o inabilite para o exercício do cargo, além de carteira de habilitação categoria "B" ou superior.

As inscrições podem ser feitas a partir das 17h desta sexta-feira, dia 15,  no site da Cops/Uel, organizadora, até o dia 8 de abril. A taxa de inscrição é de R$100, que deve ser paga até o dia 9 do mesmo mês, em qualquer agência bancária. A homologação das inscrições pode ser consultadas dia 16 de abril.

Serão reservadas 10% das vagas aos afrodescendentes, a condição deverá ser marcada no formulário de inscrição. Aqueles inscritos no CadÚnico possuem direito à isenção da taxa de inscrição. Para que isso ocorra, será necessário preencher o requerimento de isenção, inidicando o NIS, disponível até às 23h do dia 19 de março, no site da organizadora. O resultado da isenção será divulgado até o dia 27 de março.
 
Seleção será composta de seis etapas
 
A seleção para delegado será composta de seis etapas: prova objetiva de Conhecimentos Gerais, prova de Conhecimentos Específicos (discursiva), avaliação de títulos, exame de higidez física, exame de aptidão física e exame de investigação de conduta. A primeira etapa será realizada no dia 5 de maio.

A prova objetiva será composta de 100 questões, divididas em quatro grupos. Grupo 1: Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Noções de Informática; Grupo 2: Direito Civil    , Legislação Estadual, Medicina Legal; Grupo 3: Direito Administrativo e Direito Constitucional; Grupo 4: Direito Penal e Direito Processual Penal. Os concorrentes responderão a 10 questões de cada disciplina.

Para ser considerado aprovado e prosseguir na seleção será necessário acertar 50% das questões. Além disso, o candidato deverá obter, no mínimo, 40% de acertos das questões de cada grupo, ou seja, 12 acertos no Grupo 1, 12 acertos no grupo 2, 8 acertos no grupo 3 e 8 acertos do grupo 4. Para a segunda etapa, o exame discursivo, serão convocados apenas os mil melhores classificados, em caso de empate na última colocação, todos na posição mil serão convocados.

A segunda etapa, dia 16 de junho, será composta de oito questões discursivas, sendo duas de Direito Administrativo, duas de Direito Constitucional, duas de Direito Penal e duas de Direito Processual Penal. Após a posse os convocados ainda serão submetidos ao Curso de Formação Técnico-Profissional.

Comentários