Concurso PC-AL: saiba tudo sobre o cargo de agente de polícia

O concurso PC-AL já está confirmado! Confira as principais informações sobre o cargo de agente de polícia.

No início da última semana, o governador do Alagoas, Renan Filho, confirmou edital com 300 vagas para o concurso da Polícia Civil-AL. A seleção terá oportunidades para os cargos de agente e delegado.

O edital está previsto para este semestre. Ainda de acordo com o governador, do total de vagas, 40 serão para a carreira de delegado. 

Espera-se então que as demais 260 vagas sejam para a carreira de agente de polícia. Pensando nisso, FOLHA DIRIGIDA preparou este especial com as informações mais importantes sobre o cargo. Confira!

♦ Requisitos

O cargo de agente de polícia exige o diploma de graduação e carteira de habilitação.

♦ Atribuições

Entre as principais atribuições estão executar investigações e operações policiais na prevenção e na repressão a ilícitos penais, bem como desempenhar outras atividades de interesse do órgão, conforme previsto nas leis que regem as carreiras da Polícia Civil do Estado de Alagoas.

Notícias PC-AL 2019

♦ Remuneração

 Em janeiro de 2018 o governador sancionou ajustes e o valor inicial passou a ser de R$3.800, podendo chegar a R$10.763,58 com as progressões por tempo de serviço e por cursos de formação.

Polícia Civil do Estado do Alagoas
O próximo concurso PC-AL ofertará 300 vagas
(Foto: Marcio Ferreira/Agência Alagoas)

Como estudar leis por áudio?

♦ Benefícios

Os agentes de polícia recebem também benefícios: 

  •   Adicional noturno
  •   Verba de alimentação (policiais plantonistas)
  •   Gratificação de chefias

Além disso, os agentes e escrivães detêm de plano de carreira (Lei Estadual 7.602, 03 de abril de 2014) com progressão horizontal e vertical, que leva em conta o tempo de serviço, realização de cursos e pós-graduações (especialização, mestrado e doutorado). 

Quer estudar com qualidade?

♦ Etapas de seleção

A forma de ingresso se dá por meio de concurso público. Na última seleção os candidatos foram submetidos às seguintes etapas:

  •  Prova objetiva de conhecimentos básicos e conhecimentos específicos
  •  Prova discursiva
  •  Capacidade física
  •  Avaliação psicológica
  •  Investigação social
  •  Exame médico
  •  Curso de formação policial

♦ Conteúdo da prova

  • Conteúdos básicos: Língua Portuguesa, Noções de Informática.
  • Conhecimentos Específicos para delegado: Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Civil, Legislação Complementar e Medicina Legal. 
  • Conhecimentos Específicos para agente de polícia: Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Penal, Noções de Direito Processual Penal, Legislação Complementar e Medicina Legal.

Prepare-se para o concurso PC-AL

O edital do último concurso para a Polícia Civil-AL foi lançado em 2012. Na época, foram ofertadas 400 vagas, sendo 240 para agente de polícia, 120 para escrivão e 40 para delegado. A remuneração era de R$2.071,80 para agente e escrivão, e R$12.593,22 para delegado. 

Se antecipe ao edital e tenha mais chances de ser aprovado! 

Baixe o último edital

Entre as etapas que os candidatos da última seleção foram submetidos estava a prova de múltipla escolha. As avaliações foram compostas por 50 questões de conhecimentos básicos e outra com 70 questões de conhecimentos específicos. Ambas tiveram caráter eliminatório e classificatório e a aplicação durante quatro horas de duração.  

De acordo com o Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol-AL) as 300 vagas anunciadas só suprem 10% do déficit do efetivo. Por isso, a categoria solicita 1.500 vagas ao Governo de Alagoas.

O grupo informou que a Polícia Civil-AL tem apenas 1.607 agentes de polícia para atender toda a população do Estado, representando uma proporção de uma agente para cada 2.070 pessoas.

A Organização das Nações Unidas (ONU), por exemplo, recomenda que seja um policial para cada 250 habitantes. Já a Lei Estadual, que disciplina o quantitativo de policiais civis nas delegacias, fixa o número de 4.536 profissionais.

Como estudar para concurso público sem edital?



Comentários