PM-TO: concurso só poderá ser retomado após eleições

FOLHA DIRIGIDA entrou em contato com a PM-TO, que explicou que o concurso só pode ser retomado após as eleições suplementares

20/04/2018 09:51 | Atualizado: 20/04/2018 09:54

20/04/2018 09:51 | Atualizado: 20/04/2018 09:54

O concurso da Polícia Militar do Tocantins , que está suspenso em razão da cassação do mandato do governador do estado, Marcelo Miranda, possivelmente, só deverá ser retomado depois de junho. Essa foi a informação foi dada pelo capitão Gleidison Carvalho, responsável pelo Setor de Comunicação da PM, nesta sexta-feira, 20, à FOLHA DIRIGIDA.

A comissão do concurso PM-RN esperava a definição da situação do governo do Tocantins para ter uma perspectiva da seleção. No entanto, na última terça-feira, 17, o então governador do Tocantins teve seus embargos julgados pelo TSE e os recursos foram negados por unanimidade. Com isso, tanto Marcelo Miranda, quanto sua vice, Cláudia Lelis, tiveram a cassação de seus mandatos confirmada.

Assim, quem assume temporariamente é o presidente da Assembleia Legislativa, Mauro Carlesse. E, segundo capitão Gleidson, a decisão da justiça determina que o concurso só pode voltar quando o estado tiver um novo governador permanente, e não interino, como é o caso de Carlesse. A mesma situação deve acontecer com o concurso da Procuradoria Geral do Estado, que também fo suspenso.

“Nós precisamos ter um novo governador permanente. O interino só pode atuar por 60 dias. Pode ser que o presidente da Assembleia se candidate e ganhe, mas por enquanto é interino”, explicou Carvalho.

Tocantins terá nova eleição em 3 de junho

soldados
Concurso PM-TO aguarda eleições de junho
(Foto: Divulgação)

Em razão de todos os acontecimentos no governo de Tocantins, o estado terá uma eleição suplementar, em 3 de junho, para definir o novo governador. Após a eleição, fica mais fácil de o concurso da PM-TO ser retomado.

“A previsão é que a seleção só retorne após as eleições, já que precisamos do novo governador permanente”, completa o capitão.

Mesmo com todos os impedimentos legais pelos quais a seleção está passando, Gleidison Carvalho reforçou que a intenção da Instituição da PM era de dar continuidade ao concurso.

“Internamente, nós queríamos dar andamento ao concurso. Até por que, realizar as fases da seleção, que já estavam em andamento, não significa fazer contratação. Mas para não dar margem para dúvida, o governo achou mais prudente suspender o concurso”, finaliza.


AOCP já tem resultado da primeira fase do concurso

Em ocasião anterior, a Assessoria de Comunicação da Polícia Militar-TO informou que o resultado da primeira fase do concurso, que foi realizada antes da suspensão, já foi contabilizado pela banca AOCP .

Mas, mesmo com os resultados em mãos, a banca organizadora do concurso não poderá divulgá-los enquanto não sair a decisão judicial. Enquanto isso, os concurseiros devem aguardar as próximas atualizações.

As provas objetivas e dissertativas do concurso foram realizadas no dia 11 de março. Os classificados nessas avaliações ainda terão exame de capacidade física, avaliação psicológica, avaliação médica e odontológica e investigação social.

Concurso PM-TO está suspenso: entenda

Segundo decisão do Tribunal de Justiça, o concurso da Polícia Militar do estado está suspenso. O motivo é a cassação do mandato do governador do estado, Marcelo de Carvalho Miranda, por ter usado recursos ilegais em sua campanha. A informação foi divulgada no portal no Ministério Público no dia 26 de março.

O MP foi o órgão que solicitou a suspensão do concurso ao TJ. Segundo a notícia publicada em seu site,a ação foi motivada pela investigação que o governador do estado estava sofrendo devido à denúncias de condutas em desacordo com a lei. Os mandatos do chefe de estado e de sua vice-governadora foram definitivamente cassados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no dia 22 de março.

PM-TO: Prepare-se para a etapa de teste físico

É preciso estar preparado para esta etapa! Sabe por quê? Mais de 40% dos candidatos são reprovados em provas físicas para concursos porque cometem falhas bobas. Por isso, baixe o e-book: "10 erros que você não pode cometer em testes físicos", em parceria com o preparador Elon Junior. Confira também dicas em vídeo. 

 

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...