Folha Dirigida Entrar Assine

Concurso PM-SP: mais de 105 mil farão provas no domingo, 28

Com mais de 105 mil inscrições homologadas, concurso PM-SP para soldado aplica provas no próximo domingo, 28.

Serão aplicadas no próximo domingo, 28 de julho, as provas objetiva e discursiva do concurso para soldado da Polícia Militar de São Paulo (PM-SP). São esperados mais de 105 mil candidatos que tiveram inscrição homologada para concorrer às 2.700 vagas. 

Os exames ocorrerão simultaneamente no turno da tarde, com duração total de quatro horas. Os endereços, salas e horários podem ser consultados por meio do site da banca, Fundação Vunesp, ou no Portal de Concursos Públicos do Estado. 

Haverá aplicação nos municípios de Araçatuba; Bauru; Campinas; Piracicaba; Presidente Prudente; Ribeirão Preto; Santos; São José do Rio Preto; São José dos Campos; São Paulo e Sorocaba.

O concurso PM-SP para soldado registrou um total de 105.767 inscrições homologadas. Dessas, 82.147 são de homens e as demais 23 mil são concorrentes mulheres. A maior parte dos cadastros foi para a capital paulista, com 38.520 candidatos.

Número de inscritos em concursos: como reagir?
Como diminuir a concorrência em concurso?

O candidato deverá comparecer ao local designado para a prova com antecedência mínima de uma hora, munido de:

  • original ou cópia autenticada de um documento de identificação;
  • comprovante de pagamento da taxa de inscrição; e
  • caneta fabricada em material transparente de tinta preta (preferencialmente) ou azul, lápis preto e borracha.

Durante a realização do exame não será permitido o uso de materiais que não sejam estritamente necessários, bem como calculadoras, aparelhos eletrônicos em geral e acessórios de cabeça. As orientações completas para a prova podem ser consultadas no edital do concurso.

Véspera do concurso: o que fazer?

Aprovação na fase escrita do concurso exige mínimo de 50 pontos

Os concorrentes terão quatro horas para escrever uma redação dissertativa em prosa na norma-padrão da Língua Portuguesa, além de responder a 60 questões distribuídas da seguinte forma:

Língua Portuguesa e Interpretação - 20 questões
Matemática - 14 questões;
Conhecimentos Gerais - 14 questões;
Noções Básicas de Informática - 6 questões
Noções de Administração Pública - 6 questões.

Para ser considerado aprovado na prova de múltipla escolha será preciso alcançar 30 dos 60 pontos. Na redação, que vale 40 pontos, o mínimo necessário é 20.

Como fazer revisão na véspera das provas de concursos?

Os classificados nesta etapa estarão aptos para seguir nas demais avaliações do concurso, que compreenderão exames de aptidão física, psicológico e de saúde, avaliação de conduta social e análise de documentos. 

Leia também: Capitão fala sobre atual concurso PM-SP e dá previsão de novo edital

(Foto: Reprodução)
Provas do concurso PM-SP para soldado serão aplicadas em 11 municípios
(Foto: Reprodução)

Concurso PM-SP visa preencher mais de 2 mil vagas 

Publicado em abril deste ano, o edital do concurso PM-SP visa preencher 2.700 vagas na carreira de soldado. Para ingressar é preciso ter nível médio completo, além de idade entre 17 e 30 anos, carteira de habilitação entre as categorias 'B' e 'E' e  altura mínima de 1m55 para mulheres e 1m60 para homens. 

A remuneração em início de carreira é de R$3.164,58 mensais. Esse valor é composto por R$1.226,03 de vencimento, R$1.226,03 de Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) e R$712,52 de insalubridade.

Os selecionados serão contratados pelo regime estatutário, que garante a estabilidade. A PM-SP prevê para maio de 2020 a chamada dos 2.700 aprovados para o curso de formação, que será realizado na Escola Piritu.

Vale lembrar que já há um novo edital previsto. A PM-SP tem autorização para preencher mais 2.700 vagas, totalizando 5.400 novos soldados. A nova seleção tem previsão para ser aberta ainda neste segundo semestre. 

CADASTRE-SE

Para ter acesso a este conteúdo

CADASTRE-SE


Comentários