PM-RJ contrata Ibade como banca do concurso e edital já pode sair

O Ibade foi o escolhido para organizar o novo concurso para PM-RJ com 37 vagas para oficiais.

O Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade) será a banca organizadora do novo concurso para Polícia Militar do Rio de Janeiro. A seleção terá oferta de 37 vagas para o Curso de Formação de Oficiais, que exige nível superior em Direito.

O extrato de contratação do Ibade foi publicado no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira, 14 . Esse é o último passo antes da divulgação do edital. Por isso, o documento com as normas do concurso pode sair ainda este ano.

Reprodução Diário Oficial do Rio de Janeiro de 14 de dezembro

 

Em geral, após a assinatura do contrato entre a banca e o órgão, os detalhes do concurso são finalizados. Como por exemplo, o cronograma das etapas e conteúdo programático das provas. O extrato de contratato já adianta que a taxa de inscrição no concurso PM-RJ será de R$138.

Outra boa notícia é que o início do Curso de Formação de Oficiais (CFO) da Polícia Militar do Rio será em 2019. Com isso, o edital não deve demorar a ser publicado para que tenha tempo hábil de execução de todas as etapas da seleção.

Inicie os estudos para o concurso de oficiais da PM-RJ

Prepare-se para concursos

O concurso PM-RJ para oficiais foi autorizado pelo então governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, em julho deste ano. As 37 vagas contemplam cargos que ficaram vagos por aposentadorias, mortes ou exonerações, desde que o regime de recuperação fiscal foi adotado pelo estado, em setembro de 2017. 

Além da graduação em Direito, o cargo tem outro pré-requisito. Embora o último concurso, realizado em 2017, tenha exigido idade entre 18 e 35 anos até a data da matrícula no curso de formação, a PM comunicou que, agora, os candidatos deverão ter até 30 anos. O salário inicial da carreira pode chegar a R$7.605,10, mais benefícios.

Ceperj era uma das bancas cotadas para o concurso PM-RJ

A contratação do Ibade pegou muitos concurseiros de surpresa. A expectativa era que a Fundação Ceperj fosse a escolhida como banca do concurso PM-RJ para oficiais. Isso porque ela tem prioridade em organizar as seleções de instituições do estado do Rio de Janeiro.

PM-RJ
PM-RJ prepara concurso com 37 vagas para oficiais
(Foto: Governo do Rio de Janeiro)

 

O Decreto nº42.298, de fevereiro de 2010, determina que a Ceperj tenha a prerrogativa de realizar os concursos voltados à administração direta, autárquica, fundacional e para empresas públicas e de economia mista do Estado. Isso não quer dizer, contudo, que outras bancas não possam ser contratadas.

Em entrevista à FOLHA DIRIGIDA, o próprio presidente da Ceperj, Pedro Castilho, revelou que a fundação era a mais cotada para organizar o concurso. A Polícia Militar, no entanto, não confirmou a informação à nossa equipe de reportagem.  

Castilho chegou a indicar que o edital deveria ser publicado entre dezembro e janeiro de 2019. 

"Como a Academia de Polícia tem uma programação e uma nova turma só deverá iniciar em 2019, eu imagino que o edital deva ser publicado entre dezembro e janeiro", afirmou o presidente da Ceperj.

Ibade também foi o organizador do concurso PM-RJ 2017

O Ibade também foi o organizador do último concurso para oficiais da Polícia Militar do Rio de Janeiro, realizado em 2017. Assim, os interessados na carreira já possem um bom norte para começar a preparação, com provas anteriores e análise da cobrança da banca. 

É provável que a estrutura do concurso também seja mantida. Há um ano, os candidatos ao cargo de oficial da PM-RJ foram submetidos as seguintes fases: 

  • Provas objetivas e de redação;
  • Exame antropométrico;
  • Teste de aptidão física;
  • Exame psicológico;
  • Exame de saúde;
  • Exame social e documental.

Na objetiva, foram cobradas 60 questões, nas disciplinas de Direito Administrativo (15), Constitucional (15), Penal (15), Processual Penal (dez) e Penal Militar (cinco). As avaliações, de caráter eliminatório e classificatório, foram aplicadas na capital e nas cidades de Niterói, Nova Iguaçu, Angra dos Reis, Resende, Cabo frio, Macaé e Friburgo.

Como estudar quando o concurso tem banca definida?

Com a escolha da banca do concurso PM-RJ, muitos candidatos podem se perguntar: como devo proceder? No vídeo abaixo, a coach Deborah Cal explica o que fazer quando a organizadora é definida. Não deixe de conferir!