Concurso tem novos problemas, desta vez com a Redação

Embora o resultado provisório da redação do concurso para soldado da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PM-RJ) tenha sido publicado na última terça-feira, 4, somente no dia seguinte foi liberado o espelho no site da Exatus, organizadora. Além disso, muitos candidatos não conseguem visualizar o documento na página eletrônica.

Embora o resultado provisório da redação do concurso para soldado da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PM-RJ) tenha sido publicado na última terça-feira, 4, somente no dia seguinte foi liberado o espelho no site da Exatus, organizadora. Apesar disso, muitos candidatos não conseguem visualizar o documento na página eletrônica. Outra questão levantada por participantes é que as notas das redações estão divergentes. O acesso é feito através de consulta individual, na página eletrônica da Exatus, dificultando muitos postulantes de entrarem com recurso, cujo prazo termina na próxima segunda-feira, dia 10. (Leia matéria )

"Estou com problemas em relação ao espelho da redação, pois não consigo visualizá-lo. Tento entrar em contato com a Exatus e somente dá ocupado. Preciso do espelho para que possa elaborar um recurso plausível. Além disso, muitas pessoas estão com as notas diferentes das que foram lançadas na planinha, no próprio site da Exatus. Isso é mais um dos inúmeros casos de desrespeito que a banca vem fazendo conosco", afirmou Eric Romero. (Você também teve problemas com a divulgação dos resultados pela Exatus? Deixe seu depoimento nos comentários desta matéria)

A divulgação do resultado dos recursos da redação, junto com a classificação, está marcada para o dia 20 deste mês. Para ser aprovado na redação é preciso conseguir cinco dos dez pontos. Para efeito de desempate, terá vantagem aquele que tiver a maior nota, na seguinte ordem: redação, Português, História, Sociologia, Geografia, Informática, Legislação de Trânsito e Direitos Humanos. Por último, prevalece a maior idade.

A segunda etapa do concurso será o exame psicológico, eliminatório. Já a terceira fase constará de exame antropométrico, mediante verificação do Índice de Massa Corporal (IMC), de acordo com a tabela no subitem 12.3.2 do edital. Ainda haverá exame físico, teste toxicológico, exame médico e pesquisa social e documental. A seleção destina-se ao preenchimento de 6 mil vagas, 600 delas para mulheres. Dos mais de 100 mil candidatos, 12.599 tiveram a redação corrigida, sendo aprovados 10.939 e reprovados 1.660.

Comentários