Concurso PMERJ: sai nova convocação para exame social e documental

Uma nova convocação para o exame social e documental do concurso PMERJ 2014 foi divulgada nesta sexta-feira, 9, no Diário Oficial.

A Polícia Militar do Rio de Janeiro divulgou nova convocação para o exame social e documental de 346 candidatos do concurso PMERJ 2014. A lista completa está no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira, 9. Essa é a etapa que antecede o início do curso de formação.

Convocação para exames do concurso PMERJ:

Os convocados deverão comparecer, para fins de identificação, à Seção de Recrutamento do Centro de Recrutamento de Seleção de Praças, no dia e horário especificado pela corporação. Será necessário levar os seguintes documentos:

  • Identidade (Original e Cópia);
  • CPF (Original e Cópia);
  • PIS/PASEP (Original e Cópia), se o candidato não possuir o PIS, solicitar o Nada Costa da CEF;
  • CNH (Original e Cópia);
  • Título de Eleitor (Original e Cópia);
  • Último comprovante de votação (Original e Cópia), ou Certidão de Quitação Eleitoral (Recente)
  • Certificado ou Diploma de Conclusão do Ensino Médio, com a publicação no DOERJ (Original e Cópia);
  • Certidão de Nascimento ou Casamento (Original e Cópia);
  • Certificado de Reservista ou CDI (Original);
  • 01 Foto 3x4;
  • Uma caneta esferográfica (azul ou preta).

As apresentações serão feitas nos dias 12, 13, 14, 15, 16, 19 e 20 de agosto. O participante deverá verificar na convocação do Diário Oficial em qual data deverá comparecer. O concurso da Polícia Militar do Rio de Janeiro para soldado foi aberto em 2014, mas as convocações só começaram anos depois.

De acordo com governo, mais 2 mil candidatos serão convocados 
para curso de formação este ano (Foto: Divulgação)

 

Ao assumir a gestão do Estado do Rio de Janeiro, o governador Wilson Witzel se comprometeu a convocar 3 mil candidatos para o início do curso de formação em 2019. Até o momento, mil já foram chamados para as aulas. A expectativa agora é que as 2 mil convocações restantes ocorram até o final do ano.

O objetivo do atual governo é recompor o efetivo da corporação e reforçar o patrulhamento ostensivo das ruas. A incorporação dos aprovados só foi possível graças a um acordo entre o Estado e a Assembleia Legislativa (Alerj). A Casa se comprometeu a arcar com os salários dos PMs até o fim de 2020.

+ Tenha a assinatura ilimitada Folha Dirigida!
+ Concurso PMERJ: com novos soldados, governo quer recompor o efetivo

Chamada de aprovados é favorável ao novo concurso PMERJ

A convocação de aprovados para o curso de formação é um ponto positivo para um novo concurso de soldados da PMERJ. Isso porque o governo e a própria Polícia Militar confirmaram que a próxima seleção só será aberta após a chamada de todos os remanescentes de 2014.

+ Projeto de Lei propõe temporários na PMERJ e nos Bombeiros-RJ

A PM do Rio, em resposta à FOLHA DIRIGIDA, disse que “aguarda a convocação de todos os aprovados para o início de um novo processo”. Por outro lado, o porta-voz da corporação, coronel Mauro Fliess, adiantou que os estudos de um novo concurso para soldados já começaram.

No último dia 18 de junho, ele recomendou que os candidatos continuem estudando, pois um novo edital se aproxima.

"Temos um efetivo do concurso PMERJ 2014 que ainda será chamado. Para atender a capacidade operacional e da nossa formação, estamos realizando algumas obras no nosso Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças. Então, logo que as obras forem concluídas e a capacidade de receber esses candidatos esteja plena, com a autorização do governador, iremos elaborar um novo concurso", detalhou Fliss.

O secretário da Polícia Militar, Coronel Figueredo, destacou que a recomposição do efetivo é uma das metas do governo estadual. A carreira de soldado tem como pré-requisitos o nível médio completo, de 18 a 30 anos e Carteira Nacional de Habilitação (CNH). 

Durante o curso de formação, os ganhos do soldado são de R$2.213,62. Após a formatura, o valor passa ao vencimento inicial de R$3.452,55.

Acesse curso de preparação para concursos:

Witzel firma compromisso de contratar 12 mil policiais até 2022

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, afirmou que 12 mil policiais serão contratados até 2022. As declarações foram dadas em evento no Palácio Guanabara, em que o chefe do executivo fez um balanço das ações na Segurança Pública no Estado, durante o 1º semestre do ano. 

"Nós vamos formar 12 mil policiais até 2022. É a meta mínima. Pode ser que, com o apoio do corpo de fuzileiros navais, consigamos ampliar esse número. Mas, esses 12 mil policiais serão entregues aos vários municípios para ampliar a capacidade operativa dos batalhões", comprometeu-se o governador. 

Para atingir essa meta, o governo precisará abrir um concurso PMERJ. Serão necessárias cerca de 9 mil vagas nos próximos três anos. Já que as demais 3 mil serão preenchidas pelos remanescentes da seleção de 2014.

A corporação ainda não se pronunciou sobre um novo concurso. Em resposta à reportagem disse que “ainda não há definição sobre realização de novos concursos. A convocação dos concursados de 2014 ao longo deste ano seguirá a programação já anunciada”.

Saiba como funcionam os exames antes da posse: 



Comentários