Concurso PMERJ: cronograma para as 3 mil convocações é alterado

Previstas para abril, as 800 convocações de aprovados no concurso PMERJ foram adiadas para junho. Entenda!

As 800 convocações de aprovados no concurso da Polícia Militar do Rio de Janeiro (PMERJ), previstas para abril, foram adiadas. Em nota, a corporação confirmou a alteração do cronograma, mas sem alterar a meta de incorporar 3 mil novos soldados ao longo de 2019.

Com a mudança, os 800 concursados previstos para ingressarem no curso de formação até o final de abril foram redistribuídos para junho (500). Além dos demais meses que já constavam na previsão inicial. Os aprovados são referentes a seleção de soldados, realizada em 2014.

Em fevereiro, 500 concursados já começaram as aulas no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP). Pelo novo cronograma, estão previstas outras cinco turmas de 500 alunos nos meses de junho, julho, agosto, novembro e dezembro deste ano.

O motivo da alteração pela Secretaria de Estado de Polícia Militar foi a necessidade de garantir que os candidatos possam cumprir o curso de formação em condições adequadas. Em decorrência da crise econômica no Rio de Janeiro, faltam investimentos em manutenção nas instalações do CFAP.

Para ingressar na Polícia Militar do Rio de Janeiro, concursados ainda devem
passar pelo curso de formação, no CFAP (Foto: Divulgação/PMERJ)

 

Por isso, a unidade de ensino da corporação perdeu a capacidade de atendimento integral. De acordo com a Polícia Militar, o CFAP possui cinco companhias de ensino, cada uma com capacidade para atender 500 alunos.

“Nossa principal preocupação é oferecer instalações compatíveis para formação dos futuros praças. Nosso curso de formação não se resume a salas de aula. Precisamos estar em condições de atender outras demandas, como alojamento, alimentação, munição, armamentos, instrutores, fardamento, entre outros itens”, explicou o comandante do CFAP, coronel Marcelo Teixeira.

As convocações foram viabilizadas em função de um acordo entre o Governo do Estado e a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). A Casa se comprometeu a arcar com os salários dos PMs até o fim de 2020.

• Secretário da PM-RJ vê necessidade de novos concursos e convocações
• Concurso PMERJ: saiba tudo sobre o último edital para soldados
• Concurso PMERJ 2019: novo edital já está em estudo, garante coronel

Witzel garante reforma nas unidades de formação de policiais

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, garantiu que uma das metas para executar o orçamento da Segurança Pública será a reforma do CFAP, unidade de formação de policiais. O anúncio foi feito no dia 25 de abril, em reunião com o secretariado na cidade de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.

“A Segurança Pública tem um orçamento bastante razoável. Nós ainda estamos executando R$1 bilhão do Gabinete de Intervenção. Este ano, vamos focar na construção e reforma das unidades de formação de policiais”, afirmou.

Para o governador, isso será feito com o aumento da capacidade do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP). Em janeiro, Witzel convocou à imprensa para anunciar a contratação de 3 mil aprovados no concurso PMERJ.

FOLHA DIRIGIDA esteve presente na ocasião, em que o cronograma de chamadas foi passado. Confira como era o calendário, que foi alterado:

  • Fevereiro: 500 convocações;
  • Abril: 800 convocações;
  • Julho: 450 convocações;
  • Agosto: 450 convocações;
  • Novembro: 400 convocações;
  • Dezembro: 400 convocações.

Dessas datas, apenas as convocações de fevereiro foram cumpridas.

Tenha acesso a cursos de preparação para concursos!

Novo concurso PMERJ para soldados está em pauta

Ainda nessa entrevista coletiva, o governador Wilson Witzel afirmou que quer contratar mais 3 mil soldados em 2020. O objetivo, segundo ele, é suprir a carência do órgão de Segurança Pública do estado.  

“Ano que vem vamos chamar mais 3 mil policiais. A ideia é recompor os quadros da Polícia Militar para que nós façamos frente à necessidade de segurança”, explicou o chefe do executivo.

Por mais que não tenha dito de forma explícita, as novas contratações devem ser feitas a partir de um novo concurso para Polícia Militar fluminense. Isso porque a última seleção para soldados, realizada em 2014, não tem mais todos esses aprovados.

A corporação, em resposta à FOLHA DIRIGIDA, disse que “aguarda a convocação de todos os aprovados para o início de um novo processo”. O porta-voz da PM, coronel Mauro Fliss, já adiantou que os estudos de um novo concurso para soldados começaram.

Em entrevista exclusiva, o secretário da PMERJ afirmou que trabalhará para recompor o quadro de pessoal, principalmente na base da pirâmide, com os soldados. Segundo ele, o novo concurso para o cargo está em pauta na Subsecretaria Geral de Polícia Militar. Contudo, ainda sem definição.

A carreira tem como pré-requisitos nível médio completo, idade de 18 a 30 anos e Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Durante o curso de formação, os ganhos do soldado são de R$2.213,62. Após a formatura, o valor passa ao vencimento inicial de R$3.452,55.



Comentários