Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Governador do Ceará anuncia novo concurso Pefoce

Governador do Ceará anuncia novo concurso Pefoce

Camilo Santana divulga nova seleção para a Perícia Forense do Ceará (Pefoce) para 2018.

Um novo concurso para Perícia Forense do Ceará (Pefoce) irá acontecer ainda em 2018. Quem afirmou foi o governador Camilo Santana, durante discurso na aula inaugural de curso preparatório da Polícia Militar. A Pefoce é a polícia científica que faz todo o trabalho de análise para as investigações e, segundo o governador, a do Ceará é uma das melhores do país.  
 
"Temos equipamentos modernos, uma equipe altamente equipada. Vamos lançar edital e abrir concurso para novos profissionais já para esse ano”, revelou. O governador Camilo Santana reforçou ainda que abrir concursos, investir em estrutura policial e colocar novos servidores em ação é parte crucial para o Estado seguir firme na luta pela redução dos índices de criminalidade. 
 
Os cargos ainda não foram divulgados, mas se seguir o padrão da última seleção poderão ser contemplados quatro diferentes funções. 

Último concurso Pefoce foi para vários cargos

O último concurso da Pefoce teve edital publicado em 2011. Na ocasião, foram oferecidas 170 vagas mais formação de cadastro de reserva para os cargos de médico perito legista de 1ª classe, perito criminal de 1ª classe, perito legista de 1ª classe e auxiliar de perícia de 1ª classe. Todas as oportunidades eram para candidatos de nível superior e a banca responsável foi o Cespe (atual Cebraspe). 
 
A graduação de cada área era especificamente:
✦Médico perito legista - graduação em Medicina;
✦Perito criminal - graduação em Análise de Sistemas, Ciências Contábeis, Ciências da Computação, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia (Eletrônica, Mecânica, Química), Física,  Química;
✦Perito legista - graduação em Farmácia; 
✦Auxiliar de perícia - graduação em qualquer área.
 
As remunerações oferecidas variavam conforme o cargos, sendo a mais baixa de R$1.897,61 e a mais alta de R$7.582,45. As jornadas de trabalho eram de 40 horas semanais. Para a inscrição foram cobradas taxas de R$40 para auxiliar de perícia, R$60 perito e R$100 médico.

As etapas do processo seletivo

A seleção dos candidatos foi dividida em duas fases. Na primeira foi aplicada a prova objetiva de caráter eliminatório e classificatório. A avaliação foi dividida em questões de conhecimentos básicos e específicos. Os conhecimesto básicos eram sobre as disciplinas Português, Atualidades, Noções de Informática e Noções de Direito Processual e Penal.
 

CADASTRE-SE AGORA E VEJA MAIS SOBRE ESTE CONTEÚDO

OU

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações