Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Raciocínio Lógico: veja dicas para concurso da Polícia Civil do Pará

A série especial que traz análises de professores diretamente do curso Estratégia a respeito do concurso PC-PA 2016 segue firme. Os candidatos aos cargos de escrivão, papiloscopista e investigador já receberam o apoio de Rafaela Freitas, de Português, de Victor Dalton, com Noções de Informática, e agora terão os conselhos de Marcos Piñon, que trará dicas de estudo para a disciplina de Raciocínio Lógico.

A série especial que traz análises de professores diretamente do curso Estratégia a respeito do concurso PC-PA 2016 segue firme. Os candidatos aos cargos de escrivão, papiloscopista e investigador já receberam o apoio de Rafaela Freitas, de Português, de Victor Dalton, com Noções de Informática, e agora terão os conselhos de Marcos Piñon, que trará dicas de estudo para a disciplina de Raciocínio Lógico. Veja dicas em vídeo do professor Marcos. CONFIRA, NO FINAL DESTA MATÉRIA, O CALENDÁRIO COMPLETO DO ESPECIAL, COM AS DATAS DE PUBLICAÇÃO DE TODAS AS DICAS!

Quais os principais tópicos dessa disciplina? A quais pontos do programa o candidato deve ter mais atenção?


Marcos Piñon - Apesar de nossa disciplina ter o nome de Raciocínio Lógico, muitos assuntos são da Matemática - aquela que todos nós estudamos no ensino médio. Podemos dividir o conteúdo em seis grandes tópicos: Lógica, Análise Combinatória, Probabilidades, Problemas Aritméticos, Geometria e Matrizes. Dentro desses pontos, o candidato deve dar atenção especial à Lógica, principalmente nos assuntos “negação de proposições compostas”, “equivalências” e “lógica da argumentação”. Além disso, a Funcab adora cobrar Probabilidades - acredito que pelo menos uma das cinco questões será sobre esse assunto. Em seguida, temos Análise Combinatória, Problemas Aritméticos e Geometria. Já o tópico "Matrizes", que é tratado no edital como “Problemas Matriciais”, é muito pouco cobrado nas avaliações.

Qual o nível de dificuldade esperado para essa prova?

Como ocorre em praticamente todas as provas de Raciocínio Lógico, provavelmente teremos questões com níveis de dificuldade variados. Serão cinco questões no total, sendo (eu acredito) duas fáceis, duas médias e uma com um nível de dificuldade mais elevado, que geralmente é a de Probabilidades.

Qual o perfil dessa banca organizadora? Que tipos de questões são esperadas?


A Funcab é uma banca que tem aparecido com mais frequência em concursos com maior visibilidade recentemente. Foi ela que organizou o concurso da Polícia Rodoviária Federal (em 2014) e o da Agência Nacional de Saúde Suplementar (em 2016), por exemplo. Esses concursos nacionais acabam elevando o patamar da banca. Antes disso, ela se restringia a processos seletivos, concursos de prefeituras e alguns estaduais. Como consequência, temos questões mais elaboradas nas avaliações. Teremos nessa prova questões de múltipla escolha com cinco alternativas (A, B, C, D e E), das quais haverá uma única resposta correta.

Qual a melhor estratégia de estudo? Como fazer para assimilar melhor o conteúdo?


Acredito muito que, em matérias da área de exatas, o que realmente faz a diferença é a resolução de questões de concursos anteriores. O candidato deve estudar a teoria, fazer resumos dos principais tópicos e fórmulas, mas o foco deve ser mesmo a resolução das questões. Em nossos materiais do Estratégia Concursos, sempre trazemos a resolução de diversas questões de concursos anteriores, com muitas da própria banca organizadora. É muito comum encontrarmos nas provas questões semelhantes às já cobradas anteriormente, com mudança apenas na "historinha" que é contada, mas com a mesma forma de resolução. Assim, acredito que a melhor estratégia e, mais do que isso, o diferencial no memento da prova é a resolução do maior número possível de exercícios. Aqui, vale destacar que é sempre importante treinar com provas anteriores da banca, no caso, a Funcab, mas que também vale a pena treinar com questões de outras organizadoras que possuam um formato de cobrança parecido - como a Fundação Carlos Chagas e a ESAF. Outro detalhe importante: a forma como o conteúdo foi descrito no edital é muito semelhante à maneira que o Cespe costuma cobrar Raciocínio Lógico em suas provas. Apesar dessas duas bancas terem uma maneira de elaborar suas questões de formas diferentes, pelo fato de cobrarem os mesmos conteúdos também podem ser usadas provas antigas do Cespe na preparação. É importante também esquecer a calculadora durante o treinamento. Uma dificuldade que muitos alunos apresentam é na realização de operações matemáticas elementares, como a multiplicação e a divisão, principalmente pelo fato de no nosso dia a dia termos uma calculadora para nos auxiliar. Por fim, é importante tentar cobrir todo o edital com pelo menos duas semanas de antecedência em relação ao dia da prova, para que na reta final seja possível revisar os principais tópicos de cada disciplina. Além disso, deve-se ter cuidado para que o cansaço não atrapalhe o desempenho no grande dia, então para muitos candidatos pode ser importante relaxar na véspera da prova, assistindo um filme, por exemplo.

Calendário de publicação de dicas para a Polícia Civil do Pará

 
Para os cargos de investigador, escrivão e papiloscopista:
Português - 22/agosto
Noções de Informática - 23/agosto
Raciocínio Lógico - 24/agosto
Noções de Direito Administrativo - 25/agosto
Noções de Direito Constitucional - 26/agosto
Noções de Direito Penal e Direito Processual Penal - 29/agosto
Noções de Medicina Legal - 30/agosto
Noções de Identificação - 31/agosto
Noções Básicas de Química - 01/setembro
Legislação Especial - 02/setembro

Delegado:

Matéria única com todas as dicas - 2/setembro

PROVAS OBJETIVAS

Investigador, escrivão e papiloscopista: data provável - 11 de setembro
Delegado: data provável - 25 de setembro
 

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações