Concurso MPU divulga nova convocação nacional de analistas

O Ministério Público da União (MPU) publicou novo edital de convocação de analistas. Os candidatos terão 48h para optar por lotações.

O Ministério Público da União (MPU) publicou um novo edital de convocação para os candidatos aprovados no concurso MPU, realizado em 2018. A lista foi divulgada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 2, e no site do Ministério Público Federal.

Confira o edital de convocação do concurso MPU • 

Agora, os convocadas precisam optar pelas localidade de atuação ofertada. A opção deve ser protocolada por meio de preenchimento de formulário específico, conforme instruções enviadas por e-mail para cada candidato convocado.

Desta vez, a vaga disponibilizada é para lotação em Rio Branco, no Acre. O preenchimento deve ser feito e encaminhado no prazo de dois dias, a contar do horário de envio do formulário, impreterivelmente.

O candidato que não enviar sua escolha no prazo e forma estabelecidos será declarado desistente da convocação, conforme estabelecido no edital. Além disso, o convocado não poderá ser nomeado para a localidade que não tenha escolhido.

Concurso MPU também poderá nomear técnicos
(Foto: Divulgação)

Concurso MPU pretende nomear técnicos

O Ministério Público da União também poderá nomear aprovados para o cargo de técnico de administração de nível médio. Os aprovados no concurso MPU para essa função recebem ganhos de R$7.772,80.

“Entre junho e julho, será feita uma leva de nomeações de técnicos”, destacou Adriel Gael. 

A previsão foi confirmada à FOLHA DIRIGIDA pela Assessoria de Imprensa da Procuradoria Geral da República (PGR). No entanto, as convocações ainda não ocorreram, pois a situação para este cargo é delicada.

Isso em razão da ação civil pública que anulou a questão 67 da prova de Conhecimentos Específicos e determinou a reclassificação dos aprovados.

De acordo com o SindMPU, a Secretaria-Geral do MPU já confirmou que, resolvidas as pendências de judicialização da prova, haverá novas nomeações para as vacâncias que não gerem impactos orçamentários.

+ Com déficit de 50 técnicos de segurança, MPU pode ter novo concurso

Ela ainda adiantou que, tão logo o Cebraspe, banca organizadora do concurso, finalize a verificação dos casos relacionados às cotas e às pessoas com deficiência, o MPU deverá realizar as nomeações para técnico. As nomeações realizadas com o antigo resultado devem permanecer.

MPU reuniu mais de 260 mil inscritos em todo país

A oferta para o concurso MPU 2018 totalizou 47 vagas imediatas, além de formação de cadastro de reserva. Ao todo, foram 264.924 inscrições. O destaque foi para o cargo de técnico de administração, que exigiu apenas o ensino médio completo.

Prepare-se para os concursos de 2019!

Foram 191.045 concorrentes para 11 vagas imediatas da função. Isso mostra a relação candidato/vaga de 17.367 para as contratações imediatas. A carreira de analista em direito teve como pré-requisito o nível superior na área e contabilizou 73.879 candidatos.

Fora as 47 vagas imediatas, o MPU realizou cadastro de reserva com cerca de 7 mil aprovados em todo país. Dessa forma, eles poderão ser convocados no decorrer do prazo de validade da seleção – de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

O MPU constuma convocar um bom número dos candidatos em cadastro. Na última seleção, realizada em 2013, foram chamados mais de 4 mil aprovados para oferta de apenas 147 vagas imediatas

Passou no concurso e não foi convocado? Saiba seus direitos:

CADASTRE-SE

Para ter acesso a este conteúdo

CADASTRE-SE


Comentários