Assemperj evidencia necessidade de servidores e cobra concurso MP-RJ - Folha Dirigida
Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Assemperj evidencia necessidade de servidores e cobra concurso MP-RJ

Assemperj evidencia necessidade de servidores e cobra concurso MP-RJ

Com a validade da última seleção chegando ao fim, MP-RJ precisará de novo concurso para repor o quadro, segundo Associação.

O prazo de validade do concurso para a área de apoio do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ), aberto em 2016, será encerrado no dia 6 de junho deste ano, sem possibilidade de nova prorrogação. Entre aqueles que sonham em ingressar no órgão é grande a expectativa pela abertura de uma nova seleção.

FOLHA DIRIGIDA entrou com contato com o MP-RJ para saber se um novo concurso será aberto tão logo seja encerrada a validade da seleção anterior. No entanto, não houve uma resposta até o fechamento desta matéria.

Embora ainda não se saiba se o MP-RJ vai abrir novo concurso, o presidente da Associação dos Servidores do MPRJ (Assemperj), Flávio Sueth Nunes, diz que há a necessidade de contratação de novos servidores.

Como funciona o prazo de validade do concurso

Apesar de não saber precisar o déficit, Flávio Sueth diz que a maior carência é na carreira de técnico administrativo, que exige nível médio.

"Novas promotorias e procuradorias foram criadas nos últimos anos, mas o quadro de pessoal efetivo há muito tempo não vem sendo ampliado. Consideramos que há demanda no cargo de analista processual, mas a maior carência é de técnicos, que atualmente já somam o maior quantitativo de pessoal", declarou.

Ainda segundo ele, a falta de servidores pode resultar na diminuição da efetividade da atuação ministerial, uma vez que os procedimentos, pareceres, laudos, notificações, dentre outros trabalhos dos servidores, se acumulam e/ou demoram mais para terem seu processamento realizado em virtude da carga de trabalho.

Concurso MP-RJ (Foto: Divulgação/MPRJ)
Concurso MP-RJ encerrará validade em junho (Foto: Divulgação/MPRJ)


Flávio Sueth que o tema concurso público será abordado em uma próxima reunião da Assemperj com o procurador-geral de Justiça, Eduardo Gussem. "As entidades dos servidores sempre cobraram a convocação dos concursados e a realização de novos concursos. Teremos uma nova reunião com procurador-geral de justiça no início de maio e o assunto voltará à pauta."

MP-RJ convocou 173 aprovados do último concurso

Do concurso realizado em 2016, que reuniu 67.085 candidatos na disputa por 21 vagas imediatas, o MP-RJ convocou 173 aprovados, sendo 128 para técnico administrativo, dez para técnico de notificações e atos intimatórios (ambos de nível médio), nove para analista administrativo e 26 para analista processual (ambos de nível superior).

Cadastro de reserva gera convocação em concurso?

Na época, a carreira de técnico  tinha remuneração inicial de R$5.207,84, enquanto que o cargo de analista os ganhos iniciais eram de R$7.964,16. Os valores já incluiam o auxílio-alimentação, de R$825. A contratação dos aprovados é pelo regime estatutário, assegurando a estabilidade.

A banca organizadora foi a Fundação Getulio Vargas. Para ser aprovado, foi necessário acertar, pelo menos, 16 das 40 perguntas de Português e Raciocínio Lógico, e não zerar nenhuma matéria. Além disso, quem concorreu a técnico teve que acertar 16 das demais disciplinas juntas. Já para analista, exigiu-se 24 acertos.

Como começar a estudar para concurso do zero? 




Comentários