Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Saiu o quadro de vagas pelos cargos

Após a definição do Cespe/UnB como organizador dos seus concursos, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Informação (MCTI) trabalha para publicar o primeiro edital até o fim deste mês, apesar do prazo dado pelo Planejamento terminar em 8 de junho. A taxa poderá variar entre R$64 e R$106, segundo informou, na última segunda-feira, dia 14, o coordenador do concurso da administração central, em Brasília, Flávio Coutinho.

Após a definição do Cespe/UnB como organizador dos seus concursos, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Informação (MCTI) trabalha para publicar o primeiro edital até o fim deste mês, apesar do prazo dado pelo Planejamento terminar em 8 de junho. A taxa poderá variar entre R$64 e R$106, segundo informou, na última segunda-feira, dia 14, o coordenador do concurso da administração central, em Brasília, Flávio Coutinho.

Foram autorizadas 832 vagas, e deste quantitativo, 496 farão parte do primeiro edital, sendo 92 de analista em ciência e tecnologia (32 na administração central e 60 nas demais unidades), 330 de assistente em ciência e tecnologia (294 e 106, respectivamente) e 74 de tecnologista, todas na capital federal. As 336 vagas restantes serão oferecidas posteriormente, em pelo menos dois editais.
 
Segundo informações da Assessoria de Comunicação do órgão, das 154 oportunidades destinadas ao Rio de Janeiro, nessa primeira seleção serão oferecidas 64, das quais 18 são para analista em ciência e tecnologia, distribuídas pelo Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas, Instituto Nacional de Tecnologia, Observatório Nacional, Laboratório Nacional de Computação Científica e Museu de Astronomia e Ciências Afins. As outras 46 vagas são para assistente de ciência e tecnologia, e contemplam o Centro de Tecnologia Mineral e o Museu de Astronomia e Ciências Afins.

Do total de vagas, 522 são para o nível médio - 192 de técnico de ciência e tecnologia e 330 de assistente de ciência e tecnologia, com vencimentos de R$2.504,68. Já para o nível superior, são 310 oportunidades em diversas especialidades, definidas da seguinte maneira: 69 para pesquisador, 92 para analista em ciência e tecnologia e 149 para tecnologista. Os rendimentos variam de R$4.549,63 a R$5.111,07.

 

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações