Marinha divulga edital de concurso para Oficial Intendente

A Marinha do Brasil abre concurso para a carreira de Oficial Intendente, com vagas para ambos os sexos. Salário chega a R$7,4 mil.

23/05/2018 12:14 | Atualizado: 23/05/2018 13:35

23/05/2018 12:14 | Atualizado: 23/05/2018 13:35

Foi divulgado nesta quarta-feira, 23, mais um edital de concurso Marinha. Desta vez, a seleção é para o Quadro de Intendentes da Marinha (QC-IM) e oferece dez vagas, que podem ser disputadas por homens e mulheres. As oportunidades são nas áreas de Administração, Ciências Contábeis e Economia, sendo necessário o nível superior. Os candidatos devem ter menos de 29 anos de idade em 1º de janeiro de 2019. Depois de formados o soldo chega a R$7,4 mil. 

Os interessados já podem se inscrever pelo site da Marinha  ou no posto de atendimento ao candidato, até 5 de junho. A taxa cobrada é de R$120, valor que pode ser pago até 11 de junho. Candidatos que pertençam à família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) poderão solicitar isenção. 

O Quadro Complementar de Oficiais Intendentes da Marinha (QC-IM) desenvolve cargos e funções relativos à aplicação e ao preparo do Poder Naval, que visem ao atendimento das atividades logísticas e das relacionadas com a economia, as finanças, o patrimônio, a administração e o controle interno.

. Marinha abre também vagas para Quadro Complementar de Fuzileiros

Concurso Marinha Intendentes terá sete etapas

A avaliação dos candidatos será feita em sete etapas mais o curso de formação. A fase inicial é a prova escrita objetiva nas disciplinas de Conhecimentos Profissionais e Inglês mais; redação. A prova juntamente com a redação, terá duração de quatro horas e será constituída de 50 questões, sendo: 16 de Administração, 12 de Ciências Contábeis, 12 Economia e dez de Inglês, elaborada de acordo com o programa descrito no Anexo III do edital.

Marinha abre vagas para intendentes (Foto: Marinha do Brasil)
Concurso Marinha Intendentes tem inscrições abertas
(Foto: Marinha do Brasil)

A data de aplicação da prova ainda será divulgada pela Marinha, mas já foi definido que as avaliações acontecerão no Rio de Janeiro (RJ), Vila Velha (ES), Salvador (BA), Natal (RN), Olinda (PE), Fortaleza (CE), Belém (PA), Santana (AP), Parnaíba (PI), Santarém (PA), São Luís (MA), Rio Grande (RS), Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Ladário (MS), Brasília (DF), São Paulo (SP), Manaus (AM).

Serão aplicadas também as etapas de:

• Verificação de Dados Biográficos;

• Inspeção de Saúde;

• Teste de Aptidão Física (TAF);

•Avaliação Psicológica;

•Verificação de Documentos;

•Prova de Títulos.

O teste físico

Na avaliação Física o candidato deverá passar por provas de natação e corrida, em dois dias não consecutivos, podendo executar duas tentativas em cada uma das provas, em dias subsequentes.  Para ser aprovado no TAF, o candidato deverá:

a) nadar o percurso de 25 metros no tempo máximo de 50s para o sexo masculino e um minuto para o sexo feminino. O candidato deverá utilizar apenas os Recursos inerentes ao seu próprio corpo, não sendo permitido nenhum apoio no fundo, na borda lateral e/ou no raiamento da piscina.

b) correr o percurso de 2.400 metros no tempo máximo de 16 minutos para o sexo masculino e 17 minutos para o sexo feminino. A corrida poderá ser realizada em pista oficial de atletismo ou em qualquer percurso plano previamente demarcado.

Curso de Formação será no Rio de Janeiro

O Curso de Formação de Oficiais (CFO) acontecerá no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), no Rio de Janeiro. A etapa é composta pelo período de adaptação e o curso propriamente dito. 

Durante o período de formação, os profissionais ocupam a função de guarda-marinha, com soldo de R$6.993, além de alimentação, uniforme, assistência médico-odontológica, psicológica, social e religiosa. Inicialmente, o candidato fará um Estágio de Aplicação, com duração de até três semanas, que tem por finalidade a adaptação às características do serviço naval inerentes à profissão, à complementação de sua formação militar-naval e à avaliação complementar para o desempenho de funções técnicas e administrativas.

O curso de formação propriamente dito terá a duração de, aproximadamente, 30 semanas. Ao se formar com aproveitamento, o profissional passa ao posto de segundo tenente, com remuneração de R$7.490. 

Estude para o concurso Marinha Intendente

A redação é uma das etapas do concurso. Confira dicas para se dar bem nesta fase! Veja também os dez erros que você não pode cometer no teste físico. 

Quer receber novidades sobre concursos?

Cadastre-se para receber e-mails com asnotícias em destaque da semana, dicas de preparação, novidades da Folha Dirigidae muito mais!

Carregando...