Folha Dirigida Entrar Assine

Concurso Marinha para praças da armada tem edital retificado

Concorrentes terão quatro horas para realizar prova escrita objetiva do concurso Marinha 2019 para praças da armada.

A Marinha do Brasil retificou o edital de abertura do concurso para ingresso no quadro técnico do Corpo de Praças da Armada (CP-QTPA/2019). A mudança diz respeito a aplicação da prova escrita objetiva de Conhecimentos Profissionais, agendada para o dia 29 deste mês. 

O texto, publicado do Diário Oficial da União desta sexta-feira, 6, acrescenta ao documento o tempo que os concorrentes terão para realização dos exames. O concurso Marinha encerrou inscrições em 13 de julho, após prorrogação do prazo por mais dois dias.

Do quantitativo total de 1.116 inscritos, foram 588 para eletroeletrônica, que disputam 14 vagas em várias áreas. Desta forma, estão em disputa 42 candidatos por vaga.

Já para mecânica foram 528 inscritos para as 16 ofertas, somando um total de 33 candidatos por vaga.

Se inscreveram no concurso apenas candidatos do sexo masculino, com nível médio/técnico na área com oferta de vagas. Além disso, para concorrer é necessário ter idade entre 18 e 25 anos, completos até 1º de janeiro de 2020. 

enlightenedPrepare-se e seja aprovado em concursos militares!

Candidatos passarão por sete etapas do concurso Marinha
(Foto: Divulgação)

Concurso Marinha contará com sete fases

Os concorrentes ao concurso Marinha para praças da armada passarão por sete etapas. A primeira, composta por prova escrita objetiva contará com 50 questões e uma Redação. 

Na área técnica de Eletroeletrônica, a avaliação contará com itens de Circuitos Elétricos, Eletromagnetismo, Medidas Elétricas, Automação e Instrumentação Industrial, Máquinas Elétricas, Instalações Elétricas, Eletrônica e Eletrônica Digital.

Já na área técnica de mecânica, a prova trará questões de: Matemática, Desenho Mecânico, Metrologia, Ciência dos Materiais, Ensaios de Materiais, Processos de Fabricação, Mecânica Técnica, Resistência dos Materiais, Elementos de Máquinas, Sistemas Fluido-Mecânicos, Sistemas Óleo-Hidráulicos, Máquinas Térmicas e Refrigeração, Lubrificação e Eletricidade Básica.

Haverá, também, os eventos complementares, compostos pelas fases seguintes:

  • Verificação de dados biográficos; 
  • Inspeção de saúde - fase preliminar e complementar;
  • Teste de aptidão física;
  • Avaliação psicológica;
  • Verificação de documentos; 
  • Procedimento de heteroidentificação complementar à autodeclaração.

Publicado no fim de maio, o edital da Marinha oferece 30 vagas para terceiro-sargento, das quais 14 são para a área técnica de Eletroeletrônica e 16 para Mecânica. Todas exigem o curso de nível médio/técnico na respectiva área ou especialidade. 

A atual remuneração é de R$3.825. Os aprovados em todas as etapas serão convocados para o período de adaptação do Curso de Formação de Sargentos, segunda etapa de avaliação do concurso. 

Comentários