Concurso ITA 2020: sai edital com 120 vagas para curso de graduação

Sai edital do concurso ITA 2020, com 120 vagas para os cursos de graduação em Engenharia oferecidos pelo instituto. 

Foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira, dia 1°, o edital do concurso ITA 2020. O Instituto Tecnológico de Aeronáutica oferta 120 vagas para quem tem o nível médio completo. A seleção é para admissão nos cursos de graduação em Engenharia oferecidos pelo instituto. 

Do total de oportunidades, 25 são para optantes à carreira militar, destinadas exclusivamente àqueles candidatos que tenham interesse em ingressar no Quadro de Oficiais Engenheiros (QOEng) da Ativa da Força Aérea Brasileira.

As outras 95 chances serão para aqueles que não possuem interesse em ingressar no quadro de oficiais. As vagas são para as seguintes áreas:

  • Engenharia Aeronáutica
  • Engenharia Mecânica-Aeronáutica
  • Engnharia da Computação
  • Engenharia Civil-Aeronáutica
  • Engenharia Eletrônica 
  • Engenharia Aeroespacial 

Para concorrer, é necessário ter ensino médio completo ou comprovar a conclusão até o dia 31 de dezembro de 2019. Interessados de ambos os sexos podem se inscrever. Além disso, é necessário ser brasileiro nato e não completar 25 anos até 31 de dezembro do ano da matrícula para ingresso no curso.

A graduação em Engenharia no ITA tem duração total de cinco anos e será dividida da seguinte forma: 

  • Dois anos de curso fundamental comum a todos 
  • Três anos de curso profissional em uma das habilitações 

A graduação será realizada no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), localizada em São José dos Campos, São Paulo. Ficará  a critério do aluno se hospedar ou não na residência do campus.

Alunos que comprovarem baixa renda poderão receber isenção de pagamento da hospedagem. Estes deverão prestar serviços voluntários de caráter acadêmico ou social no ITA.

As inscrições deverão ser feitas diretamente na página do ITA, entre os dias 1° de agosto e 15 de setembro. A taxa de inscrição é de R$140.

⇒ 5 dicas para não cair nas pegadinhas das provas de Português

Provas do concurso serão aplicadas em dezembro (Foto: Divulgação)

Concurso ITA terá três fases

O concurso do ITA será realizado em três fases: exame de escolaridade (objetivo e discursivo) e inspeção de saúde. O exame objetivo será composto por 70 questões, sendo 15 de Matemática, 15 de Física, 15 de Química, 15 de Português e 10 de Inglês. A avaliação está marcada para o dia 1° de dezembro.

Já o segundo exame será composto por provas dissertativas de Matemática, Física e Química, com dez questões de cada matéria, e uma Redação. Essa prova será dividida em dois dias de aplicação.

No primeiro, marcado para o dia 12 de dezembro, os candidatos responderão questões de Química e Matemática. As demais serão aplicadas no dia 13 do mesmo mês.

As provas serão realizadas nas cidades de Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Campo Grande, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Goiânia, Juiz de Fora, Londrina, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, São José dos Campos, São José do Rio Preto, São Luís, São Paulo, Teresina e Vitória.

Os exames de saúde, por sua vez, estão previstos para o dia 12 de janeiro de 2020. Os que não comparecerem a essa etapa serão desclassificados do concurso.

Prepare-se para o concurso ITA 2020

Aprovados no concurso passarão por curso de formação

Os alunos passarão por um curso de formação realizado no Centro de Preparação de Oficiais da Reserva da Aeronáutica de São José dos Campos (CPORAER-SJ). O Curso de Preparação de Oficiais da Reserva (CPOR) tem o objetivo de preparar aspirantes a oficial da reserva da Aeronáutica de 2ª classe. Os que ingressarem no CPOR receberão remuneração de acordo com a tabela de soldos dos militares das forças armadas. 

A primeira parte do curso consistirá em um curso fundamental do ITA, com duração de 30 dias, realizado em regime de internato e voltado para atividades militares. Depois disso, os alunos seguirão a grade curricular específica definida pelo centro de preparação.

Os candidatos vão ingressar na condição de aluno de órgão de formação de Oficiais da Reserva. A atual remuneração para alunos é  R$1.176. O valor está de acordo com a tabela de soldos de 2019, mas pode sofrer reajustes até 2020.  Lembrando que todos deverão cumprir um ano de serviço militar obrigatório durante o primeiro ano de graduação, estejam ou não inscritos no CPOR.

Os que optarem por ingressar na carreira militar serão submetidos ao um processo de convocação para o serviço ativo da Aeronáutica e deverão cumprir as seguintes exigências de incorporação: inspeção de saúde; exame de aptidão psicológica; teste de aptidão do condicionamento físico; desempenho satisfatório durante o CPOR; e avaliação dos aspectos da conduta relacionada aos parâmetros éticos e morais prossionais. 

Caso aprovados, os alunos passarão a integrar para ativa da Aeronáutica como Praça Especial, no posto de Aspirante a Oficial, cujo soldo é de R$ 6.993. Depois de formados, os alunos são promovidos a 1° tenente, com soldo de 8.245.

 

Comentários