Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Inscrições abrem no dia 6 de julho: vagas na área de tecnologia

Serão abertas, no dia 6 de julho, as inscrições do concurso público do Instituto Nacional de Tecnologia (INT), vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). A oferta inicial é de 35 vagas imediatas em cargos dos níveis médio/técnico e superior (incluindo doutorad). As remunerações variam de R$2.504,68 a R$9.905,28, incluindo os adicionais e benefícios. Também será formado cadastro de reserva, para ser utilizado durante o prazo de validade do concurso, que será de um ano, prorrogável por igual período.

Serão abertas, no dia 6 de julho, as inscrições do concurso público do Instituto Nacional de Tecnologia (INT), vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). A oferta inicial é de 35 vagas imediatas em cargos dos níveis médio/técnico e superior (incluindo doutorado). As remunerações variam de R$2.504,68 a R$9.905,28, incluindo os adicionais e benefícios. Também será formado cadastro de reserva, para ser utilizado durante o prazo de validade do concurso, que será de um ano, prorrogável por igual período.

As chances oferecidas são para as funções de técnico (15 vagas), tecnologistas júnior, pleno e sênior (18) e pesquisador adjunto (2). O primeiro cargo requer o nível médio ou médio/técnico (dependendo da especialidade), além de um ano de experiência. Já para tecnologista ter formação superior, mestrado ou doutorado (variando conforme o perfil). Já os pesquisadores precisam ter doutorado.
 
As remunerações variam de acordo com a titulação, podendo chegar a R$2.504,68 para técnico, R$4.549,63 para tecnologista júnior; R$5.111,07 para tecnologista pleno I; R$5.744,28 para tecnologista pleno II; R$6.460,36 para tecnologista pleno III; R$6.460,36 para tecnologista sênior e R$9.905,28 para pesquisador adjunto. A carga de trabalho é de 40 horas semanais, para todos.
 
As inscrições deverão ser feitas pelo site do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan), organizador. Após preencher a ficha de cadastro, o candidato deverá imprimir o boleto e efetuar o pagamento da taxa em qualquer agência bancária, até o último dia do prazo. Os valores variam de R$40 a R$150, dependendo do cargo. Terá direito à isenção da taxa o candidato que estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Socias do Governo Federal (CadÚnico) e for membro de família de baixa renda. O requerimento deverá ser feito no site do organizador entre os dias 6 e 7 de julho.

A primeira etapa do concurso será composta por meio de provas objetivas e/ou discursivas, de acordo com o cargo, que deverão ser realizadas no dia 2 de setembro. Na segunda fase, será aplicada uma avaliação oral para os candidatos ao cargo de tecnologistas. Quem concorrer a pesquisador adjunto passará por exame oral, além de defesa de memorial. Na terceira fase, haverá avaliação de títulos somente para os graduados. As contratações ocorrerão pelo regime estatutário, que garante estabilidade empregatícia.

Serviço:
Inscrições: www.idecan.org.br
 

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações