Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Tradição é de convocar muitos aprovados

Por conta do grande déficit de pessoal e das aposentadorias previstas (10 mil, nos próximos anos), o novo concurso para técnico do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), cujo pedido está sob análise do Ministério do Planejamento, deverá continuar mantendo a tradição de convocar mais aprovados do que o número inicial de vagas especifido em edital. No último concurso, realizado em 2012, para 1.500 vagas de técnico e 375 de perito médico, cujo prazo de validade terminou agora em abril, foram feitas 5.020 convocações (a seleção contou com 6.881 aprovados), ou seja, 133% além da oferta prevista em edital. Deste total, cerca de 90% das contratações ocorreram para o cargo de técnico.

Por conta do grande déficit de pessoal e das aposentadorias previstas (10 mil, nos próximos anos), o novo concurso para técnico do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), cujo pedido está sob análise do Ministério do Planejamento, deverá continuar mantendo a tradição de convocar mais aprovados do que o número inicial de vagas especifido em edital. No último concurso, realizado em 2012, para 1.500 vagas de técnico e 375 de perito médico, cujo prazo de validade terminou agora em abril, foram feitas 5.020 convocações (a seleção contou com 6.881 aprovados), ou seja, 133% além da oferta prevista em edital. Deste total, cerca de 90% das contratações ocorreram para o cargo de técnico.
Assine e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida
OU

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações