Concurso IME 2019: confira as próximas etapas da seleção

O ano letivo do IME começa em 11 de fevereiro de 2020. Veja as etapas que os candidatos participarão até o início das aulas!

Os candidatos que disputam às vagas para o curso de Engenharia do Instituto Militar de Engenharia (IME) realizaram, na última semana de outubro, as provas discursivas. Essa foi a segunda etapa da seleção.

Foram cinco avaliações mais uma redação realizadas em quatro dias (28, 29, 30 e 31 de outubro). Confira as provas:

» Prova de Matemática «

» Prova de Física «

» Prova de Química «

» Prova de Português e Inglês «

A previsão é que as provas sejam corrigidas até o dia 29 de novembro e que a divulgação dos aprovados aconteça no dia 10 de dezembro. Os candidatos terão os dias 10 e 11 de dezembro para solicitar vista das provas.

Nos dias 13 e 14 dezembro, os candidatos poderão interpor recursos nas questões, que serão revisados entre os dias 17 e 19. No dia 20 de dezembro será divulgado o resultado final e os classificados serão convocados para a inspeção de saúde e exame de aptidão física.

Os candidatos se apresentarão ao IME no dia 13 de janeiro de 2020 para dar início a realização da inspeção de saúde, que acontecerá entre os dias 13 de janeiro a 10 de fevereiro.

Entre os dias 20 de janeiro e 10 de fevereiro será realizado o exame de aptidão física. Nesse mesmo período, também acontecerá a avaliação psicológica e o processo de heteroidentificação, esse último apenas para candidatos que concorrem às vagas reservadas para negros.

Os documentos para a matrícula deverão ser entregues até o dia 24 de janeiro. O início do ano letivo está previsto para o dia 11 de fevereiro.

Concurso IME 2019: confira as próximas etapas da seleção

Primeira etapa aprovou 778 candidatos

O concurso IME oferta 98 vagas, em nível médio completo, a fim de formar engenheiros militares para a ativa e a reserva. Foram aprovados na primeira etapa 778 candidatos.

Desses, 516 são para as vagas da ativa, para quem deseja seguir a carreira militar, que tem oferta de 71 vagas. Assim, a relação é de 7,2 candidatos por vaga. Essa modalidade, tem reservada 14 vagas para negros.

Os 262 candidatos restantes concorrem a 27 vagas da reserva, que é para aqueles que não querem seguir carreira militar. A dispusta nessa modalidade é maior, tendo uma relação de 9,7 candidatos por vaga. Há reserva de cinco vagas para negros.

A relação de candidatos aprovados na primeira etapa pode ser conferida no site do IME. A lista apresenta todos os aprovados em ordem alfabética e a indicação da modalidade que concorrem: ativa ou reserva.

Entenda o concurso IME

O IME possui dois cursos de Formação e Graduação (CFG) um para oficiais na ativa e outro para oficiais da reserva. Ambos graduam engenheiros dentre as especialidades oferecidas.

+ Concurso IME 2019: tire suas dúvidas sobre a formação em Engenharia

Os alunos da ativa, ao ingressar no curso de formação, recebem durante os primeiros quatro anos do curso os seguintes benefícios: fardamento, alimentação, assistências médica, dentária e psicológica, alojamento e soldo. No quinto ano, são promovidos a 1º tenentes e passam a receber o soldo desse posto.

Enquanto os alunos da reserva só recebem os benefícios acima mencionados durante o primeiro ano da graduação. 

De acordo com a tabela de 2019, que pode sofrer reajustes, o soldo para o aluno do IME é de R$1.176. No último ano, este valor passa a ser de R$1.448. E para primeiro-tenente os ganhos podem chegar a R$8.245. 

concurso IME tem validade a partir da homologação do resultado até sessenta dias após a data limite prevista para a matrícula no curso de formação.

Comentários