Concurso Igeprev-PA: MP recomenda publicação de novo edital

O Ministério Público do Pará recomendou a realização de novo concurso Igreprev-PA para cargos efetivos a serem criados

O Instituto de Gestão Previdenciária do Estado do Pará pode realizar um novo concurso Igeprev-PA. Uma vez que o Ministério Público (MP-PA) instaurou um procedimento administrativo para acompanhar a regularização do quadro de pessoal da autarquia.

Isso deve ser feito por meio da aprovação da lei de reestruturação do instituto e pela abertura de concurso para cargos a serem criados. A instauração do procedimento foi publicada no Diário Oficial do Pará de quarta-feira, 27. A oferta de vagas ainda não foi confirmada.

O objetivo do novo concurso é o preenchimento de carreiras efetivas da autarquia, aos quais os servidores têm estabilidade. O instituto não se pronunciou sobre a recomendação do Ministério Público e a nova lei para reestruturar a autarquia.

Caso o governo do Pará autorize o concurso, os trâmites internos poderão ter início. Uma comissão deve ser nomeada para ficar à frente dos estudos orçamentários e sobre a reposição de pessoal necessária.

O grupo ainda deve elaborar o projeto básico. Esse documento, também conhecido como termo de referência, funciona como um espelho para o edital. Ele apresenta dados importantes como vagas, cargos, escolaridades, salários e etapas do concurso.

Igeprev-PA pode abrir novo concurso para cargos efetivos
(Foto: Divulgação)

 

Depois de pronto, o projeto básico é encaminhado a diferentes bancas organizadoras no processo de licitação. Tais instituições apresentam seus preços para ficar à frente da seleção. Em geral, a que propõe o melhor valor e atende aos requisitos é contratada como banca.

Assim, ganha o direito de receber as inscrições em seu site e aplicar as etapas do concurso, como provas objetivas. Dessa forma, entre a autorização de novo edital e a publicação do documento existem diversas fases internas.

Este ano, o Igreprev-PA já realizou um processo seletivo simplificado com 74 vagas temporárias nos níveis médio e superior. A oferta foi para as funções de assistente administrativo, analista de investimentos, técnico de administração e finanças, técnico em arquivologia.

Além de técnico em comunicação social, técnico em gestão de informática, técnico previdenciário A e técnico previdenciário B. Os vencimentos foram de R$1.364,95 (assistente administrativo) a R$4.245,29 (outros cargos).

+ Assine a Folha Dirigida e turbine sua preparação
+ Como estudar para concurso público sem edital?

Último concurso Igeprev-PA para efetivos ocorreu em 2018

último concurso Igeprev-PA para efetivos foi realizado em 2018. O edital, na época, trouxe a oferta de 74 vagas em cinco cargos de nível superior. Os ganhos foram variáveis de R$3.266,84 a R$ 4.245,29 para jornada de trabalho de 40 horas por semana. 

Das oportunidades, 52 foram para técnico previdenciário A. O cargo teve como pré-requisito graduação em Administração, Ciências Contábeis, Direito, Economia, Sociologia ou Ciências Sociais. 

O Igeprev também contemplou três chances para técnico previdenciário B, que exigiu diploma de curso superior em Serviço Social ou Psicologia. Uma vaga ficou destinada ao técnico de Estatística, que teve como requisito graduação em Estatística, Ciências Contábeis, Matemática ou Ciências Atuariais.

Houve ainda três chances de analista de investimentos para graduados em Economia, Matemática, Engenharia de Produção, Ciências Contábeis ou Ciências Atuariais. 

As demais 15 oportunidades foram para técnico de Administração e Finanças, destinadas a quem tinha nível superior em Administração, Ciências Contábeis, Ciências Atuariais, Direito, Economia, Sociologia, Ciências Sociais ou Biblioteconomia.

Os candidatos do último concurso Igeprev-PA foram avaliados por provas objetivas e discursivas, de caráter eliminatório e classificatório. Houve também avaliação de títulos, de caráter apenas classificatório. 

Comentários